domingo, 14 de agosto de 2011

DESTAQUES

Exposição “O Fantástico Corpo Humano” chega a Fortaleza

Mais de 11 milhões de pessoas já visitaram a mostra que pode ser vista a partir do dia 1º de setembro no Shopping Iguatemi

Aquilo que as pessoas têm em comum, não importando o que os define e os divide, é o intrigante e belo corpo humano em que habitamos. A partir do dia 1º de setembro, O Fantástico Corpo Humano pode ser conferido em Fortaleza, diariamente, no Shopping Iguatemi, em curta temporada. A exposição, que já passou por diversos países como Argentina, Chile e México, permite aos visitantes conhecerem mais sobre seus próprios corpos e ensina como cuidar da sua saúde e optar por estilos de vida mais saudáveis. A exposição O Fantástico Corpo Humano ajuda a ver e compreender as doenças de maneira totalmente nova, pois enfatiza problemas de saúde, como câncer de mama, câncer de cólon, cirrose hepática (do fígado), gravidez ectópica, artrite, osteoporose e fraturas ósseas. A exposição também ilustra danos ou lesões a órgãos, como os causados por tabagismo e obesidade. Trata-se de um mergulho tri-dimensional por dentro destes sistemas: pele e ossos, dos pés à cabeça.

São espécies humanas reais, como as utilizadas em universidades e hospitais, preservadas para fins educativos por um processo chamado de plastinação. Apenas recentemente, em 2007, estas espécies passaram a ficar disponíveis para o público, sendo uma oportunidade única para aprendizado visual.

A mostra é projetada numa grande estrutura de 800m² contendo 10 corpos completos, em poses confortáveis e familiares, ilustrando todos os sistemas de forma dinâmica. O público também irá conferir 150 espécimes de órgãos que ajudam os visitantes a investigar mais a fundo as estruturas de cada sistema. Tudo é exposto sob uma iluminação especial para o público visualizar todos os detalhes. Durante todo o percurso são gerados níveis de informações de forma prestativa para todas as idades - da escola primária a faculdade de medicina. O Fantástico Corpo Humano é uma realização da ART BHZ com produção local da Free Lancer Producções. Os ingressos estão à venda no estande da exposição no Shopping Iguatemi.

A exposição traz uma visão geral do corpo, seus sistemas e órgãos:
- Esqueletos /Músculos: As estruturas de suporte do esqueleto e dos músculos trabalham em conjunto.
- Sistema respiratório: Os órgãos que trazem ar para cada centímetro do nosso corpo e tornam possível a fala.
- Sistema Digestivo: O processo que move a comida através de 9 metros de trato digestivo, extraindo os nutrientes que precisamos para nossa sobrevivência.
- Sistema Nervoso: O cérebro é o centro da consciência e a medula espinhal envia impulsos para ele na velocidade da luz.
- Sistema Cardiovascular: Nosso coração bombeia sangue vital para todas as células do nosso sangue.
- Sistema Circulatório: Uma visão única e inspiradora dos vasos que carregam o sangue através do corpo.
- Sistema reprodutivo/urinário: Um sistema com duas funções: eliminar e reproduzir.
- Vida Fetal: A vida e desenvolvimento no seu nível mais básico.
- Medicina Moderna: Proteção e detecção a medida que envelhecemos.

Dúvidas que a Exposição Corpo Humano irá esclarecer para as pessoas:
- O que a cafeína e o refrigerante de cola fazem com a sua bexiga?
- Quem tem os músculos mais fortes... homens ou mulheres?
- O que nos faz soluçar?
- O que faz a placenta?
- Onde estão localizados os menores ossos do nosso corpo?
- Como o LDL (colesterol - lipoproteína de baixa densidade) afeta o seu corpo?
- Porque os músculos arrepiam?
- Porque os quadris femininos são maiores que os masculinos?
- O que a osteoporose faz com o corpo?

Serviço:
O Fantástico Corpo Humano
Local: 5º Piso – Estacionamento Coberto do Shopping Iguatemi (Avenida Washington Soares, 85 - Água Fria)
Data: A partir de 1º de setembro
Horário de Funcionamento: Segunda a Sábado: 10h às 21h / Domingo e Feriados: 10h às 20h.
Ingressos: Segunda a Sexta - R$ 40,00 (Inteira) R$ 20,00 (Meia)
Sábado, Domingo e Feriados – R$ 50,00 (Inteira) e R$ 25,00 (Meia).
Informações: (85) 3181.5006
Projeto Escola: (85) 3181.3372










Universos marginalizados são o foco da II Mostra de Teatro Despudorado

Proporcionar que os espectadores dos espetáculos vivenciem um pouco de universos marginalizados tão desconhecidos e desprezados pela sociedade. É esse o objetivo da II Mostra de Teatro Despudorado, que o Centro Cultural Banco do Nordeste-Fortaleza (rua Floriano Peixoto, 941 – Centro – fone: (85) 3464.3108) realizará nos dias 3, 8 e 9 de setembro.

Os espetáculos que compõem a Mostra são os seguintes: “Silvestres”, dirigido por Silvero Pereira e Rafael Barbosa, com o Grupo 3 x 4 de Teatro, no dia 3 (sábado), às 16h e 18h; “Barrela”, de autoria do dramaturgo Plínio Marcos, com direção de Edson Cândido e apresentação do Grupo Imagens, no dia 8 (quinta-feira), às 15h e 18h30; e “Navalha na carne”, também de Plínio Marcos, com direção de Edson Cândido e encenação pelo Grupo Imagens, no dia 9 (sexta-feira), às 15h e 18h30.

A Mostra de Teatro Despudorado tem classificação indicativa de 18 anos para os três espetáculos. Será exigido documento de identificação (RG, CNH ou carteira profissional), no momento da entrega do ingresso.

---Clique aqui e veja a sinopse dos espetáculos







Baseado na obra de João Ubaldo Ribeiro, "Sargento Getúlio" chega a Fortaleza


Promovido pelo Festival Bahia Em Cena, monólogo aclamado pela crítica estreia em curta temporada no Centro Cultural Banco do Nordeste

Destaque do teatro baiano em 2011, o monólogo Sargento Getúlio, adaptado da obra de João Ubaldo Ribeiro, chega aos palcos de Fortaleza em curta temporada. O espetáculo será exibido nos dias 1º e 2 de setembro (próximas quinta e sexta-feira), no Centro Cultural Banco do Nordeste, sempre às 18h30 com entrada gratuita.
Escrito em 1971, Sargento Getúlio é considerado pela crítica literária a obra prima de João Ubaldo Ribeiro, e rendeu ao escritor baiano o Prêmio Jabuti como Autor Revelação, em 1972. A montagem do monólogo comemora os 40 anos de lançamento do livro e também os 70 anos do autor. O monólogo, dirigido e adaptado por Gil Vicente Tavares, é estrelado pelo ator baiano Carlos Betão. Fortaleza será a primeira cidade a receber o espetáculo, após uma temporada de estreia com sucesso em Salvador. A circulação do espetáculo é promovida através da parceria entre o Banco do Nordestes e o Festival Bahia em Cena cuja proposta é valorizar e divulgar a produção teatral baiana. Durante todo o mês de agosto, oito espetáculos foram exibidos em Salvador na programação da mostra de teatro. Além da capital cearense, São Paulo e Rio de Janeiro também recebem montagens baianas em setembro e outubro.

A trama de Sargento Getúlio conta a trajetória de um sargento sergipano que tem a missão de transportar um inimigo político de seu chefe. A história é narrada pelo próprio sargento, que no caminho pelo sertão nordestino vive aventuras, dilemas e momentos de reflexão. Segundo o diretor e autor da versão teatral, Gil Vicente Tavares, a montagem preserva o texto original.
"O lirismo com que João Ubaldo conduz a história acaba por transformar a novela num poema épico em versos livres. Tentei desenhar os diversos sargentos que há no Getúlio, mostrando sua violência, fraqueza, paixão e crueza", descreve. Para viver este personagem rico em contradições e dono de uma ética particular, a escolha do diretor foi o ator baiano Carlos Betão, que tem mais de 30 anos de carreira, e importantes montagens baianas de textos como Hamlet, Calígula, MacBeth, além de participações em novelas e filmes.

Um dos destaques da montagem é a cenografia, cuja representação do sertão nordestino evita a estética tradicional, ligada à seca, ao couro e à sanfona. "São elementos que pasteurizaram o que de mais forte podemos trazer do sertanejo, de sua alma. Para isso, apostamos muito mais nas imagens do texto, já que a fala, a prosódia e as referências já são tão sertanejas e agrestes. A secura está dentro dele", afirma Gil Vicente Tavares.

Sobre Gil Vicente Tavares - Formado em direção teatral pela Escola de Teatro da UFBA, recebeu o Prêmio Braskem de Teatro como diretor revelação em 1999, pelo espetáculo Quartett. Em parceria com os dramaturgos Cláudio Simões e Cacilda Povoas, escreveu o texto do espetáculo Vixe Maria, Deus e o Diabo na Bahia (2004), direção de Fernando Guerreiro, assistido por mais de 150.000 pessoas. Colaborou no roteiro de Cidade Baixa, premiado longa-metragem de Sérgio Machado, com Lázaro Ramos e Wagner Moura. Formou o grupo Teatro NU, que em 2011 completa 5 anos com espetáculos conceituados como "Os Amantes II", "Os Javalis", e as adaptações de Anton Tchekhov "Os Males do Tabaco", "O Urso" e "O Pedido de Casamento".



Serviço:
Sargento Getúlio
Sinopse: De Gil Vicente Tavares. Com Carlos Betão. Conta a história de um sargento que tem a missão de levar um prisioneiro, que é inimigo político de seu chefe, de Paulo Afonso a Aracaju. No meio do caminho, em virtude de uma mudança no panorama político, o sargento recebe a ordem para soltar o prisioneiro, mas devido a seu temperamento avesso às mudanças, ele decide terminar a missão que lhe foi confiada, contra tudo e contra todos.

Local: Centro Cultural Banco do Nordeste-Fortaleza (Rua Floriano Peixoto, 941, tel: (85) 3464-3108 )

Horário: Dias 1 e 2 de setembro, quinta e sexta, às 18h30
(Apresentação extra para escolas no dia 2 de setembro, às 15h)
Entrada franca




DANÇA

Inscrições para residência coreográfica da 8ª Bienal Internacional de Dança do Ceará

Prorrogadas até sexta-feira, dia 02 de setembro as inscrições de artistas cearenses para a residência coreográfica Surprised Body, que será conduzida pelo coreógrafo italiano Francesco Scavetta de 10 a 19 de outubro. A residência é uma ação formativa da 8ª Bienal Internacional de Dança do Ceará, que acontecerá de 21 a 29 do mesmo mês. O formulário e o regulamento estão disponíveis no www.bienaldedanca.com. As inscrições são gratuitas e o resultado será divulgado no dia 08 de setembro.


Na residência coreográfica Surprised Body Scavetta irá compartilhar os procedimentos e as motivações artísticas que levaram à construção de Surprised Body, obra programada para a Bienal 2011. O objetivo desta ação é aproximar bailarinos de diferentes contextos territoriais e artísticos. Além de cearenses, também vão participar artistas argentinos.

A Bienal Internacional de Dança do Ceará é apresentada pela Petrobras e BNDES. Tem como patrocinadores: Banco do Nordeste, Funarte, Caixa Econômica e Oi. Apoio cultural: Oi Futuro, Governo do Estado do Ceará, por meio da Secretaria da Cultura do Estado, e Prefeitura Municipal de Fortaleza. Realização: Indústria da Dança.

SERVIÇO

Residência coreográfica Surprised Body – Até 02 de setembro abertas as inscrições de artistas cearenses para a residência que será conduzida pelo coreógrafo italiano Francesco Scavetta de 10 a 19 de outubro de 2011. Esta é uma ação formativa da 8ª Bienal Internacional de Dança do Ceará, que acontecerá de 21 a 29 do mesmo mês. Informações: Infos: (85)3268.3034 e bienal@bienaldedanca.com.










Dançando na Escola

A dança vai à escola. A partir de outubro de 2011, o programa Dançando na Escola retoma as atividades de formação em 20 escolas da rede municipal de ensino de Fortaleza. Pelo menos 1.500 mil crianças e jovens terão acesso ao universo da dança gratuitamente. A Prefeitura inaugurou o programa em 2009 a partir de uma política pública de formação em dança, implementado pela parceria entre as Secretarias Municipais de Cultura, através da Vila das Artes, de Educação e da Associação dos Bailarinos, Coreógrafos e Professores de Dança do Ceará (Prodança). Até o dia 23 de setembro, as escolas municipais que participam do programa estarão recebendo inscrições de meninas e meninos com idade entre 5 e 12 anos para as aulas que acontecem no contraturno escolar e vêm consolidar o projeto de escola em tempo integral.

Confira as escolas municipais que recebem o programa
Emeif Dois De Dezembro; Emeif Professor José Rebouças Macambira; Emeif Nossa Senhora Perpétuo Socorro; Emeif Hilberto Silva; Emeif Antônio Correia Lima; Cei Dom Aloísio Lorscheider; Emeif Godofredo de Castro Filho; Cei Joaquim Nogueira; Emeif Gabriel Cavalcante; Emeif Mozart Pinto; Cei Filgueiras Lima; Emeif José Batista De Oliveira; Emeif João Paulo II; Emeif Raimundo Moreira Sena; Emeif Demócrito Rocha; Emeif Professor Ernesto Gurgel do Amaral; Emeif Ismael Pordeus; Emeif Professor Odilon Gonzaga Braveza; Emeif Maria de Lourdes Ribeiro Jereissati e Emeif Professora Aldaci Barbosa.









Dança Clássica na Vila das Artes

Aulas gratuitas com Daniel Lessa em setembro


A Vila das Artes está com inscrições abertas até o dia 6 de setembro para o curso de Dança Clássica, com Daniel Lessa. As aulas são gratuitas e acontecem de 12 de setembro a 3 de outubro, das 12h às 13h30, na sala de dança da Vila.

O curso, de nível intermediário/avançado, é para estudantes e profissionais de dança e faz parte do programa Aulas Abertas oferecido pela Escola Pública de Dança da Vila das Artes.

As aulas seguirão a estrutura tradicional de uma aula de balé clássico, compreendendo barra e centro, lançando atenção especial para elementos como: noção de eixo, transferências de peso, precisão dos movimentos, noção de épaulement, orientação espacial, pequenas e grandes piruetas, trabalho de bateria, entre outros.

As inscrições devem ser feitas na secretaria da Vila das Artes (rua 24 de Maio, 1221, Centro), das 8h às 20h, de segunda a sexta-feira, o interessado deve apresentar apenas o currículo profissional . Mais informações na viladasartesfortaleza.blogspot.com ou pelo telefone (85) 3105-1402 .

Daniel Lessa iniciou sua formação em São Paulo, com Halina Biernacka e Toshie Kobayashi, passando depois a estudar com Tatiana Leskova e Emílio Martins, no Rio de Janeiro. Ingressou em seguida no corpo de baile do Theatro Municipal do Rio de Janeiro, onde teve a oportunidade de trabalhar com importantes nomes da dança do Brasil e do exterior. Graduado em Educação Física pela Universidade Estadual do Ceará – UECE dirige seu próprio estúdio de dança em Fortaleza.

[Serviço] Inscrições para o curso de Dança Clássica até o dia 6 de setembro na secretaria da Vila das Artes, Rua 24 de Maio, 1221, Centro. Informações pelos telefones (85) 3252-1444 | 3105-1402. Gratuito






Novo filme do BATMAN

A primeira foto de Anne Hathaway como Mulher-Gato foi divulgada pela produtora Warner Bros. A atriz viverá a vilã no próximo filme do Batman, The Dark Night Rises, que tem estreia prevista para 2012

O novo Batman é mais uma produção de Christopher Nolan, que comandou Batman Begins (2005) e Cavaleiro das Trevas(2008). No terceiro filme, o Homem-Morcego é novamente vivido por Christian Bale.

Os dois filmes, juntos, arrecadaram US$ 1, 4 bilhão. Batman: O Cavaleiro das Trevas ocupa hoje a décima posição do ranking mundial de arrecadações em bilheteria, com mais de US$ 1 bilhão.

O longa também rendeu um Oscar para o ator Heath Ledger por sua atuação como Coringa.

Além destes títulos, o super-herói apareceu outras cinco vezes no cinema, a primeira delas em 1989. As histórias do milionário que decide salvar o mundo com uma fantasia de morcego são baseadas nas histórias em quadrinho criadas por Bill Finger em 1939.

No elenco de The Dark Night Rises, Tom Hardy (A Origem, 2010), Liam Neeson (Fúria de Titãs, 2010), Joseph Gordon-Levitt (500 Dias Com Ela, 2009), Gary Oldman (O Livro de Eli, 2010), Marion Cottilard (A Origem, 2010) e Morgan Freeman (Invictus, 2009).

A Mulher-Gato aparece pela primeira vez nas adaptações de Nolan. A personagem já foi vivida no cinema por Michelle Pfeifer e Halle Berry. A personagem já aparecia na primeira edição dos quadrinhos do Batman.

Batman reaparece em uma temporada em que filmes de super-heróis estão em alta- e já tem data de estreiano Brasil:chega aos cinemas do país em 27 de julho de 2012.
Em 2011 já foram lançados longas sobre Thor, Capitão América, os X-Men e Lanterna Verde. Novas versões para Super-Homem e Homem-Aranha também estão sendo produzidas.

As filmagens estão sendo realizadas em Pittsburgh, que faz as vezes de Gotham City, mas algumas cenas também serão filmadas em Los Angeles e Nova York, além de locações internacionais no Reino Unido e Índia. Fotógrafos flagraram no último final de semana bastidores do set em Pittsburgh.

Gary Oldman repete o papel de Comissário Gordon, enquanto Morgan Freeman será Lucius Fox e Michael Caine o mordomo como Alfred. Anne Hathaway, Joseph Gordon-Levitt e Marion Cotillard estreiam na trilogia.

Os produtores de Batman - The Dark Knight Rises não perderam tempo! As filmagens mal tiveram início e novidades já foram lançadas, no formato de uma interessante campanha de marketing via internet.

Toda vez que alguém digita #thefirerises no Twitter uma nova imagem é adicionada no endereço www.thedarkknightrises.com/image.html . Trata-se da imagem de identificação do usuário no Twitter, que ajuda a formar uma foto maior que revela o visual de Bane, vilão interpretado por Tom Hardy no longa-metragem. Você pode conferi-la ao lado e logo abaixo, em versão ampliada.

Tem mais: ao clicar no pequeno pixel no mosaico de Bane é possível ler a mensagem postada no Twitter. Um meio criativo de, um ano antes do lançamento, fazer com que o filme seja comentado nas redes sociais.

Outra novidade, esta misteriosa, tem a ver com o site oficial do longa-metragem. Ao acessá-lo pode-se ouvir uma música com som metálico, não identificada. Rumores apontam que tenha a ver com a Liga das Sombras, a sociedade secreta comandada por Ra's al Ghul que foi vista em Batman Begins.

Depois do lançamento do primeiro teaser oficial de “Dark Knight rises”, novas imagens da sequência de “Batman – O cavaleiro das trevas” vazaram na internet, revelando detalhes das filmagens.

Publicadas pelo site “Huffington Post”, as fotos mostram cenas gravadas no último fim de semana no campus da Universidade Carnegie Mellon, em Pittsburgh, nos EUA.










Thunder... Thunder... THUNDERCATS HOOOOOOOOOOOOO!

O Divirta-CE fez uma brincadeira no dia 1º de abril, Dia da Mentira, que quase ninguém percebeu: uma matéria com os filmes de heróis que seriam lançados como Thor, Lanterna Verde, dentre eles, dois que ainda não existem: "Batman Asilo Arkhan" e "Thundercats" - com trailer e tudo!
De criação de Tobin Wolf, ThunderCats foi uma série de animação que marcou a garotada dos anos 80 com as aventuras dos sobreviventes Lion-O, Panthro, Tygra, Cheetara, Wilikat, Wilikit, Lynx, Bengali, Pumyra, Jaga e Snarf do planeta Thundera. A primeira temporada entrou no ar em 1985 e seguiu até a quarta fase em 1990. No Brasil a serie teve grande sucesso ao ser exibida a partir de 1986 nos canais Globo, Warner Channel, Cartoon Network e SBT.
Em 2007 a Warner anunciou que produziria o filme dos Thundercats, a princípio seria um live-action (filme com atores reais), mas depois mudou a confirmação e disse que o filme será em animação digital. De lá pra cá tudo o que se ouve sobre seu lançamento são boatos que vão de 2010 a 2012.

O primeiro filme dos Thundercats foi lançado em 1986, o "ThunderCats - HO: The Movie" , uma animação- desde então os fãs esperam por um novo filme da serie. Nessa onda de remakes de vários desenhos dos anos 80, quando veio a noticia de que o estúdio havia comprado o roteiro do estreante Paul Sopocy para o Thundercats os fãs ansiosamente começaram a viver a saga do lançamento do filme. O usuário do YouTube WormyT colou cenas de filmes variados como Tróia, Pequenos Espiões, O Senhor dos Anéis, X-Men 2, Mad Max 3, Garfield,Planeta dos Macacos e A Batalha de Riddick para montar um trailer falso de Thundercats. O trailer já foi visto mais de 5.000.000 de vezes.

Veja o Trailer fake mais visto da internet, dá pra enganar, eu mesmo quase acreditei! Genial!








URSOS, SEMINÁRIOS, OFICINAS, DEBATES

Seminário CASa de Filosofia é aberto discutindo o Amor

“A Filosofia do Amor” é o tema de abertura do Seminário CASa de Filosofia, na próxima quarta-feira (31), de 16h às 19h, no Auditório Cândido Pamplona, do Centro de Tecnologia da Universidade Federal do Ceará, no Campus do Pici. A palestra inaugural será dada pelo Pró-Reitor de Graduação da UFC, Prof. Custódio Almeida, do Curso de Filosofia do Instituto de Cultura e Arte (ICA). Segundo o palestrante, “como se trata de um tema híbrido, marcado por uma presença, ao mesmo tempo ausente, ou por uma ausência, ao mesmo tempo presente, o amor se constitui em tema estritamente filosófico, que somente a experiência é capaz de retirar da penumbra, do seu esconderijo astucioso e do anonimato. A filosofia, então, discute essa natureza teórico-prática, escorregadia, polifônica, que permite o filosofar”, afirma.

Durante o evento, o Prof. Manfredo de Oliveira, também do Curso de Filosofia da UFC, será homenageado por seus 70 anos, boa parte dedicados aos estudos filosóficos, e pela contribuição significativa à formação de filósofos graduados na Universidade.

Os seminários CASa de Filosofia vêm acontecendo desde o ano passado, como ação do Programa de Formação Docente da UFC, através do Projeto CASa (Comunidade de Cooperação e Aprendizagem Significativa), coordenado pela Pró-Reitoria de Graduação. No CASa, os mais de 800 professores que ingressaram na Instituição a partir de 2008 atuam de forma cooperativa, criando suas comunidades de aprendizagem, denominadas de Ambiência Temática.

Através da ambiência “Desenvolvimento Sustentável”, composta por engenheiros recém-ingressos e coordenada pelo Prof. Ronaldo Stefanutti, do Departamento de Engenharia Hidráulica e Ambiental da UFC, surgiu o interesse de estudar e promover seminários de Filosofia. Até o final de 2012 serão realizados 14 seminários mensais com a participação de docentes de Filosofia da UFC e de outras universidades brasileiras, que irão compartilhar suas reflexões sobre temas de interesse contemporâneo. Qualquer pessoa pode participar do CASa de Filosofia, inscrevendo-se no Portal CASa (www.casa.ufc.br).








EXIN traz palestrante internacional para uma série de eventos em setembro


Eventos em Fortaleza e Rio de Janeiro e treinamento inédito em São Paulo contarão com a participação de Marc Taillefer, integrante do seleto grupo de consultores experts do EXIN internacional

São Paulo, agosto de 2011 – O EXIN - instituto internacional, independente, que desenvolve programas de qualificação baseados em normas e melhores práticas de TI – traz mais uma vez ao Brasil Marc Taillefer, integrante do seleto grupo de experts do EXIN internacional. O consultor participará de uma série de eventos em setembro, sempre com o apoio do EXIN.

No dia 12 de setembro, em Fortaleza, acontece a sexta edição do Global Risk Meeting, evento que tem o objetivo de rediscutir amplamente a Gestão de Riscos e continuidade de negócios entre profissionais e empresas brasileiras. No evento, Marc Taillefer fará a palestra “People in the security plan is a must: news on ISO 27000 and the obligation for skilled people”, com tradução simultânea.

Já no dia 13 de setembro, no Rio de Janeiro, será realizado o Fórum Governança e Gestão de TI, evento que visa à troca de experiências entre profissionais interessados em governança e Gestão de TI e que tem foco nos eventos de Copa 2014 e Olimpiadas 2016. Na ocasião, Taillefer apresentará a palestra sobre Governance of competencies: practical results using IT Service Management international references, também com tradução simultânea.

E finalmente, entre os dias 14 e 17 de setembro, em São Paulo, acontece o Treinamento Internacional ISO 20000 Associate, inédito no Brasil. O treinamento será ministrado por Marc Taillefer e formará profissionais com a visão tática, já contemplando as últimas atualizações da norma (ISO/IEC 20000: 2011).

Marc Taillefer possui vasta experiência no Gerenciamento de Serviços de TI, Consultoria, Instrução de profissionais e Coaching para a formação de novos instrutores, já esteve no Brasil ministrando outros módulos do programa, bem como participando de eventos e convenções.

Mais Informações:

Global Risk Meeting – 12 de Setembro em Fortaleza
www.globalriskmeeting.com.br

Fórum Governança e Gestão de TI – 13 de Setembro no Rio de Janeiro
LOCAL: Senac – Flamengo Rua Marquês de Abrantes, 99 Auditório - Flamengo - Rio de Janeiro
www.forumgsti.com.br

Treinamento Internacional ISO 20000 Associate – 14 a 17 de Setembro em São Paulo
http://www.brunise.com.br/iso_marc/treinamento.html

Sobre o EXIN:
O EXIN é um instituto internacional, independente, que desenvolve programas de qualificação baseados em normas de TI, nas melhores práticas, frameworks e normas internacionais reconhecidos no campo da gestão da informação. Mais de 1 milhão de profissionais em mais de 125 países são certificados pelo EXIN, o que garante o reconhecimento do valor da marca EXIN num contexto global. Com uma rede de centros de teste em mais de 125 países e exames em 20 idiomas, o instituto promove o conhecimento e a comprovação das competências dos profissionais do setor.









Relação entre Espiritualidade, Saúde e Justiça Divina

O Instituto de Cultura Espírita do Ceará (ICE-CE) realiza seu 19° Encontro de Estudos Espíritas (ENESE). O evento, que acontece nos próximos dias 10 e 11 de setembro, no hotel Oásis Atlântico Fortaleza, vai abordar o tema “É possível conversar com os mortos? Como? – A mediunidade Positiva e o Livro dos Médiuns”. Além da programação de palestras e apresentações artísticas, teremos o sorteio de 100 livros “O Livro dos Médiuns”, de Allan Kardec.

Em sua 19ª edição, o ENESE conta com a presença do já conhecido palestrante espírita cearense Francisco Cajazeiras, médico, professor do curso de Medicina da Unifor, presidente do Instituto de Cultura Espírita do Ceará e da Associação Médico Espírita do Ceará. Autor de mais de 10 livros, dentre eles “Conselhos Mediúnicos”, “Curso sobre Mediunidade”, “O Valor Terapêutico do Perdão”, pesquisa Espiritismo há mais de vinte anos.

Estaremos também com palestrante Clayton Levy, jornalista, formado em Jornalismo pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas, atuou por 17 anos como repórter nos jornais Gazeta Mercantil, O Estado de São Paulo e O Globo. É chefe da Assessoria de Imprensa da Unicamp e, desde fevereiro de 2001, professor universitário de Jornalismo. Desde 1995, dirige a Creche "Gustavo Marcondes", um dos departamentos assistenciais do Centro Espírita "Allan Kardec", de Campinas, que, com famílias e crianças carentes, presta assistência e desenvolve programas sócio-educativos. Como médium, psicografou diversas obras, entre elas A Mensagem do Dia, O Homem de Bem e Mediunidade e Libertação.
Por fim, contaremos com a presença da jornalista e escritora brasileira, Dora Incontri. Pós-doutora em Filosofia da educação pela Universidade de São Paulo, é fundadora da Associação Brasileira de Pedagogia Espírita e coordenadora do primeiro curso latu sensu de pedagogia espírita do mundo, na Universidade Santa Cecília, em Santos. Por todo Brasil, participa de seminários proferindo palestras embasadas neste tema. Autora de diversos livros, entre eles, “Meditações de Pestalozzi” (obra psicografada) e A Educação Segundo o Espiritismo.

O ENESE é um evento aberto ao público em geral, não se restringindo aos espíritas. Mais informações pelos telefones 3243.7735 e 3283.6232 ou pelo site www.ice-ceara.org.br.

SERVIÇO:
19° Encontro de Estudos Espíritas (ENESE) – “É possível conversar com o mortos?”
Dias 10 e 11 de setembro
Local: Hotel Oásis Atlântico Fortaleza: Av. Beira-Mar, 2500 – Meireles (em frente à feira do Náutico)
Investimento: R$ 25,00
Realização: Instituto de Cultura Espírita do Ceará
Informações: 3243.7735/ 3283.6232










DIA DA FOTOGRAFIA

Exposição Postais do Ceará chega ao Centro Cultural Bom Jardim

O Centro Cultural Bom Jardim abriu no sábado, 13, a exposição de fotografia Postais do Ceará. A mostra, que é uma realização do IFoto e do Espaço Cultural Correios, fica aberta ao público com horários de visitação de terça a sexta-feira, das 9h às 12h e das 14h às 16h, e aos sábados e domingos, das 16h às 18h. O acesso é livre.

A mostra apresenta o Ceará sob uma perspectiva diferente. Através dos cliques, há uma transformação do espaço físico em um espetáculo de imagens onde o protagonista é a emoção, criada a partir da memória de determinados lugares e das experiências que neles vivemos.

Nas fotografias expostas, a possibilidade de ver uma cena é também a de fazer parte dela, a partir da releitura de espaços já familiares no cotidiano. Partindo da idéia de que um postal traz uma imagem e uma mensagem, em Postais do Ceará, a mensagem é mutável e varia diante dos olhos do espectador.

Participam da mostra os fotógrafos Alex Costa, Angela Moraes, Bia Fiuza, Carlos Gibaja, Celso Oliveira, Chico Gomes, Clesivaldo Alves, Fátima Perini, Fernanda Oliveira, Fernando Jorge, Henrique Torres, José Albano, José Wagner, Lia de Paula, Marcelo Isola, Marcos Guilherme, Marcus Vale, Mauricio Albano, Otavio Nogueira, Sheila Oliveira; sendo cada um deles responsável por uma obra. O grupo envolve o público, fazendo-o pensar em si como paisagem ou fotógrafo.

A curadoria é assinada por Silas de Paula - professor da Universidade Federal do Ceará e doutor em Comunicação pela Loughborough University of Technology, da Inglaterra - e Tiago Santana - fotógrafo profissional independente e documentarista fotográfico que ganhou destaque na Associação Brasileira de Imprensa, pela arte-reportagem “O Chão de Graciliano”, livro produzido em parceria com o jornalista Audálio Dantas. Acesso Livre.









Centro Cultural BNB abre a exposição "Correspondências Visuais"


Mostra reúne três fotógrafos de renome internacional

O Centro Cultural Banco do Nordeste-Fortaleza (rua Floriano Peixoto, 941 – Centro – fone: (85) 3464.3108) abriu a exposição “Correpondências Visuais”, reunindo os fotógrafos Marcelo Brodsky, Tiago Santana e Cássio Vasconcellos. Com entrada franca, a exposição ficará em cartaz até 16 de setembro no segundo andar do CCBNB-Fortaleza.
O projeto Correspondências Visuais foi iniciado pelo argentino Marcelo Brodsky, ao enviar uma foto para, entre outros artistas, Tiago Santana e Cássio Vasconcellos. Na exposição, serão apresentadas fotografias extraídas de trechos desse diálogo visual. A conversa é formada partindo de alguma característica formal da fotografia inicial. A pergunta inicial, condutora do projeto, foi: o que ocorre quando uma imagem é enviada a alguém, que responde com uma nova imagem? A mostra aproxima os universos culturais e criativos de cada artista.



1 + 1 = 3 (texto de Marcelo Brodsky)

O fotógrafo é um criador solitário. Carrega seu instrumento e mira, escolhe um pedaço da realidade, coloca-o no retângulo, dispara. O pensamento acompanha cada movimento do dedo sobre o gatilho. O olho interpreta a realidade, codifica, decodifica, constrói, desconstrói, inventa. O olho observa, investiga, busca sozinho o momento exato, intui, seleciona, imagina.

A solidão do fotógrafo se reitera no momento da edição, quando, já concluídos os disparos, tem de escolher as melhores imagens. É um processo íntimo, pessoal, no qual intervêm os anos de experiência, a sensibilidade, a intuição, os livros olhados, as mostras percorridas, os diálogos acerca de outras imagens que estiveram sobre a mesa, o caminho próprio indicando o próximo passo: escolher uma delas.

O diálogo visual entre dois criadores rompe o centro que está no Eu do autor e suscita algo distinto. O que determina cada decisão não são apenas os ensaios, os projetos pessoais, a elaboração de um discurso coerente com as obras anteriores e as próximas na construção de uma identidade visual própria. A correspondência não é um solilóquio, e sim se sustenta com um interlocutor, um outro que também olha, que também escolhe, que também fotografa, desenha, pensa.

Não a palavra, mas as imagens como forma de comunicação. Sua polissemia admite distintos cursos de ação possíveis diante de cada encruzilhada. O diálogo visual não tem dicionário. Não remete a um diálogo anterior, nem se baseia em uma tradição sólida e estruturada, literária. O diálogo visual muda, sacode-se com rapidez, tem um tempo próprio, e raízes na cultura visual daquele que o protagoniza.

A correspondência atravessa momentos fluidos e de estancamento, de comunicações imediatas a outras lentas, postergadas. Sem perder o caráter lúdico, passa por momentos difíceis. Há dúvida, provocação, espontaneidade. Há surpresa, prazer, frustração.

Se o autor se libera de seu Eu criativo como principal referência e ensaia uma construção visual a duas mãos, um modo de ver compartilhado, a fotografia e a criação de imagens se aproximam da interpretação musical. O resultado é um dueto de imagens sem partitura, improvisado. Uma composição visual, uma narrativa subjetiva, que convida a uma interpretação aberta. Uma poética que sugere imagens a um terceiro, àquele que vê, para que se relacione com elas através do seu próprio olhar. Ocorre então uma soma de três, um número muito maior que um.











TEATRO


As paixões de Chopin

Sucesso de público e crítica, a peça "Chopin e Sand: Romance sem palavras", com a atriz Françoise Fourton e o ator pianista Marcelo Nogueira, é destaque de agosto do projeto Grandes Espetáculos, no Teatro Celina Queiroz (Unifor), de 26 a 28 de agosto

Sucesso de público e crítica, a peça "Chopin & Sand: Romance sem palavras" chega a Fortaleza no Teatro Celina Queiroz.

O musical, dirigido por Jacqueline Laurence, foi montado em 2010 para comemorar os 200 anos do nascimento do compositor erudito e foi construído a partir das cartas trocadas entre Fryderyk Chopin e seu grande amor, a escritora Aurore Dupin, que assinava seus escritos com o pseudônimo masculino de George Sand e escandalizava a sociedade da época com seus livros ousados, suas ideias socialistas e suas roupas de homem.

"Chopin & Sand: Romance sem palavras" é um drama romântico que relata a existência apaixonada do compositor, que expressou seus sentimentos não só em notas e compassos musicais, mas também na vasta correspondência pessoal. A união perfeita dos mais queridos artistas dos salões parisienses e suas reflexões em um dos momentos mais produtivos da história da “Cidade Luz” (1831 a 1849). Fúria, amor, vaidade e melancolia estão presentes na música e na vida de Chopin, que morreu aos 39 anos.

Arrebatador, o espetáculo dialoga com questões relativas às dimensões artísticas e humanas desses personagens. Interpretada por Françoise Forton e pelo ator/pianista Marcelo Nogueira, acompanhados em cena pela pianista Linda Bustani, a trilha dialoga com questões relativas às dimensões artísticas e humanas dos personagens, transitando entre poloneses, prelúdios, noturnos, improvisos, mazurcas e outros gêneros deste universo.

FICHA TÉCNICA
Texto: Walter Daguerre
Direção: Jacqueline Laurence
Elenco: Marcelo Nogueira, Françoise Forton
Direção Musical: Roberto Duarte
Trilha Sonora: Alexandre Elias

SERVIÇO
Chopin & Sand: Romance sem palavras
Dias: 26, 27 e 28 de agosto
Sessões: sexta e sábado, às 21h; domingo, às 19h
Ingressos: R$ 30,00 (inteira) e R$ 15,00 (meia)
Informações: 3477-3033 / 3477-3175




TV DIVIRTA-CE


Veja cenas do espetáculo "Chopin & Sand: Romance sem palavras"










Quem foi Frederic Chopin?


01/03/1810, Zelazowa Wola, Polônia
17/10/1849, Paris, França

Com exceção de algumas poucas peças, Chopin dedicou sua obra ao piano


Frederic Chopin era filho do professor francês Nicolas Chopin, que dava aulas de francês e literatura francesa, e da pianista polonesa Justina Krazizanovska. Dez meses após o seu nascimento, a família foi morar em Varsóvia, onde transitava entre os nobres e a burguesia.

Chopin teve uma infância culta. Aos seis anos passou a ter um professor de piano, Adalbert Zwini, que lhe apresentou as obras de Bach e Mozart.

Seu primeiro concerto público ocorreu quando ele tinha oito anos. Na mesma época viu publicada sua primeira obra, uma polonaise. Prosseguiu conciliando seus estudos no Liceu de Varsóvia com as aulas de piano.

Em 1825, apresentou-se para o czar Alexandre I. No ano seguinte ingressou no Conservatório de Varsóvia, onde iniciou seus estudos com o compositor Joseph Elsner.

Em 1830, dias antes de eclodir a Revolução Polonesa contra a ocupação russa, Chopin resolveu deixar Varsóvia e partir para Viena, que vivia sob o regime autoritário de Metternich. Em julho do ano seguinte, Chopin seguiu para Paris, onde logo integrou-se à elite local, passando a ser requisitado como concertista e como professor. Nessa época conheceu músicos consagrados, como Rossini e Cherubini, e outros de sua geração, como Mendelssohn, Berlioz, Franz Lizst e Schumann.

Em uma de suas viagens pela Europa, em 1835, reencontrou Maria Wodzinska, que conhecera ainda criança em Varsóvia. Chopin apaixonou-se, mas, apresentando já os primeiros sinais de tuberculose, acabou rompendo o noivado por pressão da família de Maria.

Em 1838 Chopin uniu-se à controvertida escritora Aurore Dupin, que usava o pseudônimo masculino de George Sand. O casal resolveu passar um tempo em Maiorca, mas o clima úmido da ilha piorou o estado de saúde do compositor. Em 1839, os dois voltaram para a França e em 1847 romperam definitivamente o relacionamento.

No dia 17 de outubro de 1849, Frederic Chopin faleceu, aos 39 anos. Foi sepultado no cemitério de Père Lachaise, em Paris. Seu coração foi colocado
dentro de um dos pilares da igreja de Santa Cruz, em Varsóvia, conforme o seu pedido.

Chopin dedicou toda sua obra ao piano, com exceção de apenas algumas peças. Várias de suas obras têm influência do folclore polonês, como é o caso das mazurcas e das polonaises.


















Show inédito da cantora Kylie Minogue chega às telas de cinema no Brasil

"Kylie 3D: Aphrodite Les Folies Live in London" terá exibições nos dias 26 e 27 de agosto no Multiplex UCI Ribeiro Iguatemi, em Fortaleza

Nos próximos dias 26 e 27 de agosto, chega às telas de cinema no Brasil "Kylie 3D: Aphrodite Les Folies Live in London", o mais novo show da cantora australiana Kylie Minogue. Filmada durante duas noites no O2 Arena de Londres, a apresentação tem a direção de William Baker e Marcus Viner.

Os ingressos para as exibições estão à venda nos sites e bilheterias dos cinemas, além do site da MOBZ (KYLIE.MOBZ.ME), a primeira distribuidora de cinema sob demanda do mundo. As sessões serão realizadas em várias capitais do país, em 2K. O circuito de exibição do filme está confirmado nas seguintes cidades: Rio de Janeiro (RJ), Volta Redonda (RJ), São Paulo (SP), Barretos (SP), Campinas (SP), Santos (SP), São José dos Campos (SP), Belo Horizonte (MG), Brasília (DF), Goiânia (GO), Porto Alegre (RS), Florianópolis (SC), Curitiba (PR), Maringá (PR), Salvador (BA), Recife (PE), Manaus (AM), Fortaleza (CE), Maceió (AL), João Pessoa (PB), São Luiz (MA).



Surpreendente e inovador, o show revisita clássicos de toda a carreira de Kylie, como “Can’t Get You Out Of My Head”, “Spinning Around”, “What Do I Have To Do”, além de uma nova e arrebatadora versão para "Slow". A performance também conta com "Get Outta My Way", "Better Than Today" e "Put Your Hands Up", faixas do novo disco da cantora, “Aphrodite”, o 11º da discografia da cantora, lançado em 2010, que já é Disco de Platina. A apresentação culmina em um desfecho colossal, embalado por "All The Lovers".

Em duas horas de show, Kylie Minogue apresenta um show épico, que traz elementos cênicos inspirados na Grécia Antiga, com carruagens douradas, anjos voadores, cavalos alados e fontes de água e um surpreendente final - um espetáculo feito sob medida para a tela grande.
Howard Kiedaisch, CEO da Arts Alliance Media, comenta: “Estamos entusiasmados por trazer Kylie aos cinemas em 3D. Os shows da turnê ‘Aphrodite Les Folies’ foram visualmente deslumbrantes, e o efeito 3D do filme realmente faz justiça ao espetáculo na tela grande. Os cinemas estão descobrindo a experiência dos shows em 3D, e acreditamos que o público irá adorar conferir o figurino e os cenários de Kylie tão de perto, assim como ouvir as músicas com qualidade de som 5.1 surround". "Esta é uma experiência de concerto em 3D como nenhuma outra. Estamos todos muito orgulhosos de trazer a incrível turnê ”Aphrodite Les Folies” de Kylie aos cinemas”, comemora Stefan Demetriou, VP de Estratégia de Conteúdo Visual da EMI Produzido pela Blink TV para a Darenote/Parlophone EMI Music, em associação com a SKY 3D, “Kylie 3D: Aphrodite Les Folies” é um espetacular registro em 3D da turnê da musa pop que vai ser uma festa para seus fãs.

Filmado na O2 Arena, em Londres, “Kylie 3D: Aphrodite Les Folies” apresenta todos os maiores sucessos da musa pop australiana Kylie Minogue, incluindo "Can't Get You Out Of My Head", "Spinning Around" e "Slow", além de faixas de seu novo álbum, Aphrodite. Com carruagens douradas, anjos voadores, cavalos alados, fontes de água e um surpreendente final, Kylie 3D é um espetáculo épico, simplesmente imperdível.



TV DIVIRTA-CE

Veja trechos do show "Kylie 3D: Aphrodite Les Folies Live in London"












PELO INTERIOR

Peixinho de Iemanjá, de Ermano Morais, foi a vencedora do CALDAS FEST 2011

Depois de duas etapas eliminatórias, realizadas na sexta-feira e no sábado, a noite de domingo, 14/08, foi de comemoração para os vencedores da Mostra Competitiva do Caldas Fest 2011, realizado no Balneário Termas do Caldas, no distrito de Caldas, em Barbalha/CE. A programação começou com a apresentação dos dez finalistas, que foram novamente analisados pelo júri composto por Dalwton Moura (CE), Isaac Cândido (CE), Marcos Caminha (RJ), Tarcício Lima (CE) e Alex Bezerra (CE). Enquanto o júri estava reunido, o público aproveitou a festa ao som do pop rock da banda Galacticos Papa e do forró de Chico Pessoa.
No final da noite, foram anunciados os vencedores da primeira edição do Caldas Fest:

1º Lugar: Peixinho de Iemanjá. De Ermano Morais (Juazeiro do Norte/CE), música interpretada pelo próprio autor.

2º lugar: Cidades. De Joaquim Ernesto e Silvio Barreira (Fortaleza/CE). A música, que teve como intérprete Lúcio Ricardo, também levou o prêmio de Aclamação Popular.

3º lugar: Jardim da Flor. De Davi Silvino (Fortaleza/CE), que foi também o intérprete.

O Melhor Intérprete na opinião do júri foi David Duarte (Fortaleza/CE), que concorreu com Tudo Passará, de sua autoria.

A Melhor Letra dentre as concorrentes foi da música O carpinteiro e a lenda do violão, de autoria de Fernando Rosa (Fortaleza/CE), também intérprete.

O Caldas Fest 2011 foi uma realização da J. A. Lima Produções e a Associação Carnaubeira de Arte-Educação, em parceria com a Prefeitura Municipal de Barbalha, por meio da Secretaria de Cultura e Turismo.








1º Encontro SESC Povos do Mar é realizado de 18 a 21 de agosto em Iparana

Em agosto o Serviço Social do Comércio realiza o 1º Encontro SESC Povos do Mar: Socialização das Práticas e Saberes das Comunidades Litorâneas. A programação será desenvolvida na Colônia Ecológica SESC Iparana, de 18 a 21, com o intuito de promover a visibilidade e valorização das comunidades tradicionais de pescadores, artesãos, quilombolas e etnias indígenas que povoam o litoral cearense.

A socialização das técnicas de artesanato, a discussão socioambiental, a etnicidade, a culinária, os ofícios tradicionais ligados à pesca, o desenvolvimento do turismo de bases comunitárias e práticas de saúde ancestrais serão difundidos através de rodas de conversas, oficinas, minicursos e círculos de cultura que priorizarão as falas e expressões socioculturais de mestres e representantes dos coletivos sociais presentes.

O encontro contará com exposição temática das 44 comunidades participantes, provenientes de 12 municípios cearenses, sendo um momento único de interação, vivência e reconhecimento do patrimônio material e imaterial do Estado. “O SESC, enquanto instituição de intervenção social, visa contribuir com o desenvolvimento e fortalecimento das formas de organização e expressão cultural. Entendemos que o evento promove a reflexão, criação e difusão de formas sustentáveis de abrangencia territorial e cultural”, ressalta Regina Leitão, Diretora Regional do SESC-CE.







+ TEATRO


Musical com o Coral de Artes Cênicas


Espetáculo “A Noiva e o Condutor” é opereta em cartaz no Teatro Sesc Emiliano Queiroz


O musical “A Noiva e o Condutor” conta a história de Helena, moça que sonha em se casar com um rapaz abastado, mas quase é traída pela paixão, quando conhece Joaquim. A opereta original foi criada em 1935, com músicas compostas por Noel Rosa e Arnold Gluckmann evidenciando um olhar crítico sobre a sociedade em que viviam, e está em cartaz em nova versão encenada pelo Coral das Artes Cênicas, no Teatro do Sesc Emiliano Queiroz, todos os sábados e domingos de agosto às 20h. Alegre e divertido, o espetáculo dá uma nova roupagem à opereta e apresenta clássicos do samba, como Com que Roupa Eu Vou, e outras canções menos populares, como Tudo nos Une.
A arte do teatro se confronta com a arte do canto em uma mistura energizante, capaz de provocar sentimentos múltiplos oriundo de uma mesma fonte, atores cantantes em sua esfera maior, o palco, com sua magnitude, a platéia, que alimenta o conjunto, provocando um fenômeno visto apenas uma vez. O canto com sua magia nos integra à realidade que nunca conseguimos chegar, ao subversivo, aos malditos por habitarem um lugar incapaz de se conhecer, o Ato: de cantar, de dançar, de atuar, de ir contra, de contracenar.
Dirigido por Aldrey Rocha e encenado pelo Coral das Artes Cênicas do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE), o espetáculo A Noiva e o Condutor combina a arte do teatro com a arte do canto em uma mistura energizante. É baseado na revista musical homônima, composta por Noel Rosa (1910-1937), considerado por muitos o melhor compositor de sambas de todos os tempos, criador de um repertório que aborda temáticas que vão além do seu tempo. A Noiva e o Condutor apresenta personagens caricatos, por vezes exagerados, com uma linguagem que mostra, através do cômico e do ridículo, as imperfeições dos assuntos cotidianos.







HUMOR

“Tita & Nic: A Comédia” em cartaz no Teatro do Via Sul neste domingo

Uma produção cinematográfica hollywoodiana que ganhou uma roupagem satiricamente cearense. É assim o sucesso ‘Tita & Nic: a Comédia’ – que está comemorando 13 anos de trajetória. O espetáculo sobe pela primeira vez ao palco do Teatro do Via Sul Shopping neste domingo (21), a partir das 19h – com apresentação da Cia. Cearense de Molecagem.

“É início do século e as invenções pipocam de cabo a rabo. Eis que surge uma jangada: a Lamparina do Mucuripe. A multidão embarca, sem saber o que reserva o cômico destino em águas profundamente fétidas”, adiantada o diretor e autor do texto, o ator Carri Costa.

Durante a viagem, pinta o maior clima entre o humilde da 3ª classe, “NIC”, e a melancólica, virgem e sufocada aristocrata da 1ª classe, “TITA”. Por amor, os dois passam por mil peripécias.

“Podemos dizer que os risos se sucedem e os seis atores se esmeram para interpretar os 2.500 personagens que embarcam no navio”, diz Carri.


SERVIÇO:
“Tita & Nic – A Comédia”, apresentado pela Cia. Cearense de Molecagem
Texto e Direção: Carri Costa
Elenco: Carri Costa, Denis Lacerda, Solange Texeira, Jesuita Barbosa, Diego Mesquita e Roberta Vermont.
Dia: Neste domingo, 21 de Agosto
Horário: 19 h.
Local: Teatro do Via Sul Shopping – Av. Washington Soares, 4335, Sapiranga – 3º piso.
Ingressos: R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia) – à venda na bilheteria do Teatro, no 3º piso – (85) 3311.0123 e através dowww.ingresso.com
Indicação: 12 anos
Duração: 70 minutos
Gênero: Comédia adulta
Mais informações: (85) 3311.0123/ 8515-3551 / 9639-1822 e www.teatroviasul.com.br .








Os selecionados da Mostra Paralela no Festival de Teatro de Guaramiranga 2011

Seguindo os critérios seletivos da Mostra Nordeste, a Mostra Paralela do XVIII Festival Nordestino de Teatro de Guaramiranga (FNT) já tem o resultado dos espetáculos selecionados. A comissão julgadora, formada por Silvero Pereira, Thiago Arrais e Vanéssia Gomes, fez uma seleção diversificada, destacando a pluralidade do teatro cearense.

Os selecionados foram: Pau que Nasce Torto, Mija Fora da Bacia (Grupo Cutubas); Terreiro de Histórias (Armadilhas Cênicas); A Revolta das Coisas (Organização Artística Pavilhão da Magnólia); Diferente Olhar Infinito (Grupo N Infinito); Triim (Grupo Barafustar de Teatro) e A Granja (Grupo Nóis de Teatro).

Na seleção, a comissão primou pela seriedade e legitimidade do trabalho artístico. No repertório escolhido, foram contemplados gêneros variados de teatro, como contação de história, espetáculos infanto-juvenis, poéticas urbano-contemporâneas e poéticas tradicionalistas. Entre os selecionados, estão desde grupos e artistas com reconhecida experiência a importantes revelações e renovadores do teatro cearense.

Os seis trabalhos ganhadores vão integrar a programação geral do FNT 2011, que acontece de 3 a 10 de setembro. A Mostra Paralela é inteiramente dedicada aos espetáculos produzidos no Ceará, contribuindo para a divulgação das artes cênicas do Estado e promovendo um forte trabalho de intercâmbio cultural em diversas expressões.

Para o caso de desistência ou imprevisto com um ou mais selecionados, entram em cena os suplentes, por ordem de seleção: O Maligno Baal, O Associal (Grupo Experimental de Teatro / GET); O Santo e a Porca (Trupe Cangaias de Teatro) e Sons do Mucuim (Muc’Art).

Realizado pela Associação dos Amigos da Arte de Guaramiranga - AGUA, o FNT 2011 terá, em oito dias de programação, espetáculos teatrais e de cultura popular, shows, cortejos e lançamentos. Além disso, haverá o Programa de Formação, com ciclo de debates, oficinas e fórum, que este ano será focado no tema “O teatro e a poética do espaço”.

SERVIÇO

XVIII Festival Nordestino de Teatro de Guaramiranga (FNT) – De 03 a 10 de setembro em Guaramiranga/CE. Informações: (85)3321.1405, (85)8722.2677, fnt2011@gmail.com e agua@agua.art.br. Site: www.agua.art.br.








INFANTIL - TEEN


SESC Criança apresenta “Dom Poder e a Revolta da Natureza”

Encenada pelo Grupo Expressões Humanas, a peça desperta os pequenos para a consciência ecológica


A criançada já tem programação certa nos domingos de agosto: O SESC Criança. Será apresentado o espetáculo “Dom Poder e a Revoltada Natureza”, no Teatro da Praia, às 16 horas, com entrada gratuita. Encenada pelo Grupo Expressões Humanas, a peça é um mergulho no universo infantil, norteado pelo despertar da consciência ecológica e humana.
O Grupo trabalha na perspectiva de provocar o envolvimento das crianças com o tema abordado, através do encantamento e da participação crítica e afetiva no espetáculo. “Dom Poder e a Revolta da Natureza” motiva o encontro entre atores e espectadores, por meio da musicalidade, dos recursos visuais, do espaço cênico e da dramaturgia, criando um espetáculo dinâmico e participativo.
SERVIÇO
SESC Criança - Dom Poder e a Revolta da Natureza
Data: 07, 14, 21 e 28/8
Local: Teatro da Praia (Rua José Avelino, 662 – Praia de Iracema)
Horário: 16h
Informações: 3252.2215 / 3452.1242








Pizza Vignoli apresenta espaço infantil

A Pizza Vignoli, eleita desde 2005 a melhor pizzaria da cidade, oferece em dois de seus restaurantes um espaço infantil com muita brincadeira e diversão. Sob a supervisão de um monitor, as crianças aprendem brincando, enquanto os adultos conversam e saboreiam os produtos Vignoli. O espaço, que é climatizado, conta também com uma brinquedoteca, cujo acervo inclui jogos e livros educativos, além de filmes especiais para os pequenos.

Serviço: Espaço Infantil Vignoli. Funcionamento de segunda à sexta, das 18h às 0h, e nas sextas, sábados e domingos até 1h. Entrada: R$ 5,00. Informações: 3267-9450

Pizza Vignoli 1 - Rua Profº Dias da Rocha, 430 – Aldeota
Pizza Vignoli 3 – Av. Sen. Virgílio Távora, 10 - Meireles
www.pizzavignoli.com.br





LIVROS - NÃO-FICÇÃO


Uma nova biografia de Jesus

Obra resume história de Cristo para geração twitter

Após o sucesso de Churchill (Nova Fronteira), o renomado escritor e historiador inglês Paul Johnson lança pela editora Nova Fronteira uma obra sobre a maior figura religiosa da história da humanidade. Uma análise histórica intercalada com reflexões acerca das mensagens cristãs, Jesus: Uma biografia de Jesus Cristo para o século XXI é fundamentada no estudo do Novo Testamento, sobretudo dos Quatro Evangelhos. A obra relata de forma sucinta, porém minuciosa, o nascimento, os ensinamentos, a morte e a Ressurreição do “filho de Deus”.
Por meio de uma linguagem objetiva e acessível, o autor discorre sobre os preceitos disseminados pelo homem que fundou o cristianismo e a importância de suas lições na atualidade. Além disso, Johnson, que tem mais de 40 obras publicadas, utiliza seu vasto conhecimento da História Antiga para descrever os contextos político, econômico, religioso e cultural da época de Jesus na Galileia.
Dividido em nove capítulos, o livro segue a ordem cronológica dos acontecimentos de acordo com os registros bíblicos e explora diferentes faces de Cristo, como a sua relação com as mulheres. Maria de Nazaré e Maria Madalena, uma das discípulas mais dedicadas segundo o Novo Testamento, por exemplo, ganham destaque em diversos momentos da biografia. “Ele [Jesus] não era um pregador por isso as mulheres gostavam nele. Ele ensinava de uma forma interessante e luminosa coisas difíceis usando imagens da vida cotidiana e do trabalho”, avalia Johnson.
Outro ponto abordado pela obra é a perenidade das palavras de Cristo. O historiador chama atenção para a repercussão do discurso de Jesus, sua influência em segmentos como a religião, a política, a filosofia e as artes, entre outros, e o tom poético predominante em suas mensagens. “A verdade é que Jesus não era um retórico ou pregador. Ele pensava, raciocinava e falava como um poeta — com imagens, visões e metáforas do mundo natural”, explica o autor.
Johnson avalia o legado do Redentor para a geração atual. O escritor afirma que “se a bondade tem lugar no nosso mundo do século XXI é porque as palavras e ações de Jesus nos mostraram como abrir espaço para ela. Nenhum outro homem na história produziu tal efeito por tempo tão longo, sobre toda a superfície da Terra e sobre tal gama de questões”. Um tema inesgotável, a vida de Cristo ganha notáveis interpretações neste livro. Para o autor, “o segredo da vida de Jesus é um enorme paradoxo. Ele pretendia mostrar a homens e mulheres como se preparar para o mundo seguinte, se tornar merecedores dele. Mas o fez com tal habilidade que também deu a eles um padrão a seguir que os tornava seres humanos melhores, portanto, mais felizes no mundo atual. A busca pelo próximo mundo transformou este”.
Johnson aborda ainda o valor da noção de universalidade, notabilizada por Cristo, para a sociedade. “Quando perguntaram a Jesus ‘Quem é meu próximo?’ (Lc 10:29) sua resposta foi ‘todos’. Ele transformou a compaixão, que todos nós de tempos em tempos sentimos por uma determinada pessoa, em um enorme e abrangente evangelho de amor. Ensinou o amor à humanidade como um todo”. Após a leitura de Jesus: Uma biografia de Jesus Cristo para o século XXI compreende-se por que os ensinamentos do homem que mudou o curso da história são seguidos até hoje. Na opinião do historiador, “Jesus viveu em um mundo cruel e irracional, e sua vida e morte foram um protesto eloquente contra ele. (…) Também vivemos em um mundo cruel. Por isso sua biografia, em nosso terrível século XXI, é tão importante. Temos de estudá-la e aprender.”









DIVIRTA-CE recomenda

Livro “Música e Propaganda” faz estudo inovador

As formas de “seduzir” o consumidor são muitas e se aperfeiçoaram durante o século XIX e, em particular, no século XX. A música de propaganda foi um recurso fundamental para valorizar e ajudar a vender produtos em distintos tempos e lugares. E é essa a história retratada no livro “Música e Propaganda”, do pesquisador, editor e arquiteto Paulo Cezar Alves Goulart, que traça um esboço histórico da música de propaganda, entre 1850 e 1935.
Nesse estudo, o autor investiga as singularidades essenciais presentes nas raízes dos pregões, partituras e discos de propaganda e que iriam moldar seu formato definitivo nos jingles do rádio. A obra transita pelos vários percursos publicitários existentes.
A pesquisa detalhada e a possibilidade de compreender um inédito aspecto do pensamento publicitário do século XIX nos levam a “devorar” esse texto, ponto de partida para futuros estudos sobre a fascinante arte de bem vender. As informações inéditas e a análise da evolução da música de propaganda, em 70 anos de história no Brasil, tornam a obra uma publicação de referência sobre o tema para profissionais, estudantes, professores, pesquisadores, empresas e instituições relacionadas ao jingle, à publicidade e à música popular brasileira bem como interessados na memória cultural do país.








+ LITERATURA


Livro que traz diálogo sobre as doenças do corpo e da alma é lançado em Fortaleza

O psicanalista e educador Rubem Alves, considerado um dos mais cultuados e respeitados do país, lançará no próximo dia 16 de agosto o livro “Rubem Alves e Moacyr Scliar: conversam sobre o corpo e a alma: uma abordagem médico-literária”. A obra, escrita em parceria com o já falecido médico Moacyr Scliar, aborda de maneira espontânea as doenças do corpo e da alma a partir de uma visão médico e literária. O evento de lançamento acontecerá no Teatro Celina Queiroz, na Universidade de Fortaleza (Unifor), às 19 horas.

Na ocasião, se fará presente o secretário de Gestão Estratégica e Participativa do Ministério da Saúde, Luiz Odorico Monteiro de Andrade, que mediou o diálogo entre os dois. Alves prioriza metáforas e as utiliza de modo poético, levando o leitor a profundas reflexões sobre a saúde do corpo e da alma. Já Scliar conduz o leitor a uma viagem pelo tempo, levando-o a descobrir que a medicina por um longo período se preocupou mais com a alma do que com o corpo, sendo este apenas um invólucro para uma alma eterna que teria o céu quando fenecesse.

Na Bíblia, as doenças eram consideradas castigos divinos e a cura, a compaixão de Deus, suas dádivas, seus milagres. Tanto o corpo quanto a alma podem sofrer. Só que as doenças da alma, como a melancolia, nem sempre podem ser diagnosticadas como as doenças físicas. Os médicos então preferem lidar com as doenças que podem ser diagnosticadas, descritas em livros, que possuem fundamento teórico e soluções farmacológicas ou cirúrgicas. E como tratar as doenças da alma? O que fazer com a inveja que corrói, com ciúme, a avareza? Como tratá-las? E como trabalhar a culpa que muitas vezes não permite o indivíduo viver em paz? Poderia a palavra ser um tratamento para as doenças que atingem a nossa alma?

Essas e outras considerações foram brilhantemente elaboradas pelos autores, permitindo ao leitor a reflexão que levará à compreensão e talvez à cura da própria alma. No ato do lançamento, Rubem Alves ainda realizará uma palestra para professores e alunos interessados.

SERVIÇO

Evento: Lançamento do livro “Rubem Alves e Moacyr Scliar: conversam sobre o corpo e a alma: uma abordagem médico-literária”
Data: 16/08/2011
Local: Teatro Celina Queiroz – Universidade de Fortaleza (Unifor)
Endereço: Av. Washington soares, 1321. Edson Queiroz
Informações: Lena Ximenes (9611.6716 / 8897.8592








LIVROS - FICÇÃO


Série fantástica e picante


"Filha da Tempestade", novo livro de Richelle Mead, é lançado no Brasil - primeiro volume de "Dark Swan"

A editora Agir acaba de lançar o novo livro de Richelle Mead a ser lançado no Brasil: trata-se de "Filha da Tempestade", primeiro volume da série Dark Swan. Dark Swan é uma série literária voltada mais para um público maduro e conta a história de uma terra dividida em reinos com embates entre monarcas, num ambiente carregados de magia, sensualidade e luta pelo poder.

A Agir já confirmou que todas as cenas calientes serão mantidas no livro, ao contrário do que acontece com muitos livros e editoras que cortam algumas partes mais apimentadas.

Em "Filha da Tempestade", a personagem Eugenie Markham foi contratada para resolver um novo caso: o rapto de uma adolescente. O problema é que a menina não está presa no mundo dos humanos: ela foi levada para o Outro Mundo, habitado por nobres, criaturas mitológicas e almas perdidas, um lugar desconhecido e traiçoeiro. Mas Eugenie é uma poderosa xamã e já está mais do que acostumada a combater espíritos.

Antes de fazer essa perigosa transição, ela acaba conhecendo Kiyo, por quem fica atraída de forma incomum. Após uma noite tumultuada e excitante, seus sentimentos estão confusos. Sem conseguir tirá-lo da cabeça, mesmo depois de dias, Eugenie parte para o Outro Mundo.

O que era para ser uma missão breve e tranquila se torna uma grande reviravolta em sua vida. Contra a vontade, ela percebe que está cada vez mais conectada ao mundo que sempre odiou e também aos nobres — em especial a Dorian, um rei sedutor e ambicioso. Mas seu corpo ainda deseja Kiyo, e ela se vê mergulhada num ardente triângulo amoroso.

Nos EUA a série possui três livros lançados, sendo que o quarto, Shadow Heir, será lançado em 2012. Richelle Mead é muito conhecida por lá, pelas séries Vampire Academy e Georgina Kincaid.








TOP DVD - NAS LOCADORAS

Série “Divã” ganha versão em DVD com direito a extras e cenas de bastidores

É grande a expectativa na Globo com os resultados de venda do DVD da série “Divã”, uma das mais bem avaliadas na emissora. Além dos episódios que foram exibidos na TV aberta, o BOX traz entrevistas com os atores Lilia Cabral, Totia Meirelles, Marcello Airoldi e Duda Nagle falando sobre seus personagens e imagens de making of e comentários dos diretores Jayme Monjardim, José Alvarenga Jr e Fabrício Mamberti.

“Divã” conta a história de Mercedes, uma mulher comum que decide mudar sua vida após o divórcio. Inspirada no livro de Martha Medeiros, a minissérie acompanha os conflitos e questionamentos da personagem, que volta ao divã e resolve viver uma nova fase em sua vida: com os filhos crescidos, ela se dedica às artes plásticas. A Globo já estuda a possibilidade de uma segunda temporada de “Divã” para o final de 2012 ou início de 2013. O longo intervalo é uma conseqüência da agenda apertada da atriz Lilia Cabral, que será protagonista de “Fina Estampa”, novela que estreia dia 22 de agosto na faixa das 21h e que deve permanecer no ar até pelo menos março do ano que vem.









Desfiles cariocas a qualquer hora

Globo lança DVD com compactos das Escolas de Samba no Carnaval 2011



Os amantes da folia já podem matar as saudades do Carnaval durante o restante do ano. A Globo Marcas lança, em parceria com a Som Livre, o DVD “Carnaval 2011”, com os melhores momentos dos desfiles das escolas de samba do Grupo Especial do Rio de Janeiro. No pack com dois discos e três horas de duração, é possível rever cada detalhe das alegorias e fantasias, além da animação dos sambas e baterias que embalaram a Sapucaí. O DVD também será vendido em blu-ray a partir de maio.

Quem comprar o pack, assistirá no primeiro disco imagens das escolas que desfilaram no domingo, dia 06 de março: São Clemente, Imperatriz, Portela, Unidos da Tijuca, Vila Isabel e Mangueira. Já no segundo, agremiações da noite seguinte, do dia 07: União da Ilha, Salgueiro, Mocidade, Grande Rio, Porto da Pedra e Beija-Flor. A apresentação fica a cargo da dupla Glenda Koslowski e Luís Roberto. O DVD “Carnaval 2011” traz ainda extras com depoimentos dos carnavalescos, sambistas e pessoas ligadas às comunidades.

Esta é a sexta edição dos DVDs com desfiles do Grupo Especial, um clássico para os amantes da folia. O DVD “Carnaval 2011” está à venda no Portal Globo Marcas (www.globomarcas.com) ou pelos telefones (21) 2125-7025 (todo o Brasil) e (11) 2196-7025 (São Paulo).











OUT CE


Ciclo de conferências analisa mudanças na sociedade provocadas pelo trabalho

Com o objetivo de estimular a reflexão sobre a cultura e o pensamento brasileiros, será realizado o ciclo de conferências "Mutações: Elogio à Preguiça", entre os dias 15 de agosto e 5 de outubro, na Academia Brasileira de Letras, no Rio de Janeiro.

O projeto, patrocinado pela Petrobras, vai refletir sobre a condenação da preguiça pelo mundo do trabalho mecânico e a importância do ócio no desenvolvimento do trabalho intelectual e artístico. A temática também propõe uma discussão sobre as novas tecnologias, as jornadas de trabalho mais longas e sobre o sentido da vida no mundo do trabalho incessante. A partir das discussões, serão estabelecidos pontos de vista sobre a política, as crenças, o saber, a relação do homem com o mundo e, principalmente, com o trabalho.

Realizadas também em São Paulo, Belo Horizonte e Brasília, serão 72 conferências estruturadas em quatro eixos: tempo, trabalho, progresso e melancolia. Pensadores como Adauto Novaes, Francis Wolff, Francisco de Oliveira, Marilena Chauí, José Raimundo Maia Neto, entre outros, estarão presentes para expor e debater o tema.

A Petrobras patrocina o ciclo de conferências "Mutações" desde sua primeira edição, em 2007. As quatro últimas edições buscaram abranger temas relacionados à ciência e à técnica e as transformações em todas as áreas da atividade humana.

As palestras serão transmitidas ao vivo pela internet: www.academia.org.br. Outras informações podem ser solicitadas pelo e-mail mutacoes@vilamariana.sescsp.org.br ou pelo telefone (21) 3974-2595.

Serviço:

Projeto "Mutações: Elogio à Preguiça"
Data: 15 de agosto a 5 de outubro
Local: Academia Brasileira de Letras (Av. Presidente Wilson 203, Centro)
Horário: segundas, terças e quartas, às 19 horas
Inscrições: no site www.academia.org.br
Valor: R$ 40 e R$ 20 (meia)






CINEMA DE ARTE

Em agosto tem Cine Clube Curta Siciliano

No mês da fotografia, a livraria Siciliano do Shopping Del Paseo, o Curta Canoa – Festival Latino-Americano de Cinema de Canoa Quebrada e a Faculdade Católica do Ceará promovem, nos dias 19 e 26 de agosto, às 20 horas, o Cine Clube Curta Siciliano, com exibição gratuita de curtas-metragens cearenses e participação de seus diretores de fotografia. O cine clube será realizado na livraria Siciliano (Shopping Del Paseo). Será uma hora de duração com exibição seguida de debate.



Cine Zé Sozinho e Todos São Francisco

Na primeira edição, dia 19, será exibido o curta Cine Zé Sozinho (35mm, COR, 15min, 2007) com a participação do diretor Adriano Lima e diretor de fotografia Eusélio Oliveira (Xuxu). Em 2007 o filme foi premiado como Melhor Documentário no Festival Audiovisual Mercosul (11º FAM), foi eleito melhor documentario e recebeu Menção Honrosa no Guarnicê e ganhou o prêmio de melhor curta-metragem no 4º Fest Cine Belém. O filme conta a história de Zé Sozinho (José Raimundo Cavalcante), pernambucano de Pajeú das Flores, criado em Caririaçu, no Ceará, e que durante 36 anos circulou por diversas cidades do interior do Nordeste promovendo exibições em salas improvisadas. Zé Sozinho faleceu em janeiro de 2009.

Para a segunda edição, no dia 26, foi convidado o cineasta e professor de audiovisual, Valdo Siqueira, diretor de fotografia do curta Todos São Francisco (video, 15min, 2009), que tem direção e roteiro de Charliane Oliveira. O documentário é ambientado em comunidade do Conjunto São Pedro onde há uma casa em que todos são Francisco. São oito filhos da mesma mãe e de pais diferentes. O curta-metragem participou da mostra KinoOikos Formação do Olhar, 21º Curta Kinoforum - Festival Internacional de Curtas-Metragens de São Paulo e ganhou o Prêmio SESC TV para diretores estreantes, escolhido pelo júri SESCTV, dentre os filmes exibidos na sessão KinoOikos.


SERVIÇO
Cine Clube Curta Siciliano – Dias 19 e 26 de agosto, às 20 horas na livraria Siciliano do Shopping Del Paseo (Av Santos Dumont, 3131 – Aldeota – Shopping Del Paseo). Informações: Tel: 3456.3006. GRÁTIS.






+ ARTES PLÁSTICAS, ARQUITETURA, DESIGN, FOTOGRAFIA

Exposição fotográfica de Marcelo Brodsky sobre ditadura militar na Argentina

A exposição “Buena Memoria”, do fotógrafo argentino Marcelo Brodsky, será apresentada no Centro Cultural Banco do Nordeste-Fortaleza (rua Floriano Peixoto, 941 – Centro – fone: (85) 3464.3108). A abertura da mostra acontecerá na próxima terça-feira, 16, às 18 horas, ficando em cartaz até 18 de setembro, com entrada franca (horários de visitação: terça-feira a sábado, de 10h às 20h; e aos domingos, de 12h às 18h).

Um lugar de ausência? (texto de Diógenes Moura)

O fotógrafo argentino Marcelo Brodsky construiu um ensaio fotográfico a partir de ausências tão próximas quanto ele mesmo, o desaparecimento do seu irmão Fernando, do seu amigo Martín, dos amigos dos seus amigos, dos que ele já tinha ouvido falar, dos que ele nunca ouviu falar e mesmo não conhecendo eram tão próximos de uma mesma dor, de uma fenda que se abriu na vida e nas famílias de cada um dos desaparecidos, dessa amargura de um adeus nunca revelado: “Buena Memoria” é um documento sobre a ditadura militar na Argentina e em todas as outras partes do mundo onde o sistema político atiçou (e ainda atiça) as suas garras.

Com fotografias de família e retratos dos colegas de turma do Colégio Nacional de Buenos Aires, o artista reescreveu uma identidade perdida a partir das imagens dos que estão vivos, para localizaar em algum lugar do passado, a sua própria história e, nesse caso, tratar sobre uma memória universal que não se perdeu e é definitiva para o hoje mundo “democrático” entender que não poderemos seguir adiante sem que todos esses nomes sejam repetidos, repetidos e repetidos como verdadeiramente o são no corpo vivo de “Buena Memoria”. Assim, teremos o retrato de um tempo. É esse tempo que Brodsky perpetua acompanhado pelas suas próprias palavras e pelas palavras de amigos que sabem o que significam até hoje aqueles anos de assassinatos, desaparecimentos, silêncio, mudez e morte anunciada.

Trata-se também de uma exposição sobre a literatura dessa ausência. Sobre a forma verídica de um acontecimento. Chega ao Centro Cultural Banco do Nordeste-Fortaleza num momento importante, o bicentenário das lutas de resistência na América Latina. “Buena Memoria” é, portanto, um livro aberto que poderá mudar a cada instante: Claudio, Martín, Fernando e todos os outros nomes desaparecidos vistos simbolicamente pelos alunos de hoje nas imagens da série Ponte da Memória. Refletidos nos rostos deles, os outros, nos mesmos, os que aqui ficamos para não esquecer, para nunca esquecer que o terrorismo foi assim: apagou de sua frente nomes e sobrenomes sem se importar com o trauma que apenas encontra sinônimo nos horrores da guerra.

“Buena Memoria” reconstrói Marcelo Brodsky para si mesmo. Traz de volta (sim, sabemos que isso não é possível) o seu amigo Martín quando os dois queriam ser fotógrafos. Traz de volta seu irmão Fernando, numa foto feita por Sara, a mãe dos dois. Uma única fotografia do filho que não voltou, sentado num teatro vazio. Apenas (e tudo) isso. Não será jamais uma fotografia muda. Traz para diante de nós o retrato 3 x 4 de Claudio onde ele olha e pensa que os “fins justificam os meios”, e traz ele mesmo, Brodsky, num navio, ao lado de seu irmão sobre as águas marrons do rio da Prata (“permanecemos em um lugar desconhecido”) onde os corpos eram atirados e onde hoje, em Buenos Aires, está instalado o Parque da Memória. É lá, naquele espaço onde a emoção perde o nome, que justamente estão inscritos os nomes de quase todos os desaparecidos. Ao trazer para os nossos olhos a própria história de Marcelo Brodsky irmanada à história de muitas outras famílias, “Buena Memoria” cruza o espaço da vida com o que a vida, a palavra, a memória e a fotografia têm de mais extraordinário: ir do ontem ao muito além.


2 comentários:

Anônimo disse...

http://achatcialisgenerique.lo.gs/ vente cialis
http://commandercialisfer.lo.gs/ cialis commander
http://prezzocialisgenericoit.net/ prezzo cialis
http://preciocialisgenericoespana.net/ comprar cialis

Anônimo disse...

http://prixviagragenerique50mg.net/ viagra acheter
http://prezzoviagraitalia.net/ viagra
http://precioviagraespana.net/ precio viagra