domingo, 6 de novembro de 2016

TURISMO


A magia do Hotel Pousada Sol & Lua, de Paracuru: um lugar para fazer amigos
Local de paz, alegria, aconchego e beleza que recebe turistas brasileiros e estrangeiros à procura de sossego ou diversão, com muito lazer, esportes radicais e atendimento primoroso
Um local mágico, aconchegante, belo, onde os visitantes podem se sentir em casa quando visitam uma cidade que tem praias belíssimas: assim é o Hotel Pousada Sol & Lua. Localizado numa área estratégica de Paracuru, a 500 metros da rodoviária, 700 metros da praça principal e 900 metros da praia, o Sol & Lua existe há dez anos, sendo consagrado por turistas estrangeiros e brasileiros. De propriedade do suíço Roland Zgraggen, é o único hotel que possui o selo de Qualidade em Serviços do Sebrae desde 2011.
Para quem está cansado de visitar Canoa Quebrada e acha Jericoacoara muito longe, Paracuru é a opção ideal para turistas que procuram lazer, diversão, esportes e/ou muito sossego e paz. Com, seus 35 mil habitantes, é a segunda cidade a beira mar do estado do Ceará, possui 20Km de orla que encanta a todos com sua diversidade de praias: falésias com bicas de água doce, dunas largas, praias com extensos coqueirais, barra do Rio Curu com mangues, além de arrecifes de pedra que formam lindas piscinas naturais. Paracuru fica a apenas 1 hora de viagem de Fortaleza de carro, ou 2 horas de ônibus, da empresa Fretcar.
O Hotel Pousada Sol & Lua é um complexo cadastrado no Ministério do Turismo, e conta com 13 suítes, sendo 12 voltadas para a piscina com varanda. Todos os quartos, definidos em duas categorias, Luxo e Standart, contam com frigobar, ar condicionado, televisão, chuveiro térmico. A categoria Luxo conta com TV por assinatura com 150 canais, além de ar condicionados e chuveiros mais modernos. Dois quartos do Hotel são adaptados para pessoas com deficiência física.
Na área do restaurante o Sol & Lua também disponibiliza TV por assinatura, além de contar com serviços para almoço e jantar delivery dos melhores restaurantes da cidade. No mesmo local, uma lojinha conta com roupas, óculos e outros acessórios e presentes, produtos nacionais e importados. Com atendimento eficiente, a maioria dos hóspedes se sentem em casa com o carinho e atenção que são recebidos. Muitos estrangeiros que vão à procura dos ventos de Paracuru para prática de kite surf, agendam sua vinda ao Sol & Lua todos os anos. O Hotel Pousada possui ainda um gramado ideal para crianças se divertirem e esportistas ajeitarem seus equipamentos de kitesurf. É lá que todos os sábados são colocados puffs para hóspedes e um animado lounge “sunset pool party” é feito, com muitos casais aproveitando o clima romântico para fazerem um jantar à luz de velas durante a noite – o Hotel é famoso por receber casais em lua de mel, inclusive oferece decoração diferenciada dos quartos.
O Sol e Lua conta também com piscina com hidromassagem, churrasqueira que pode ser utilizada pelos clientes, além de área de restaurante, salão cyber café com livros e jogos, além de serviços de aluguel de pranchas de stand up paddle, kitesurf e carros para passeio e transfer de turistas para Jericoacoara ou do Aeroporto de Fortaleza.
O destaque vai para as obras de arte, diversos quadros e artigos de decoração que embelezam o local, de diversos artistas plástcios cearenses e estrangeiros, além de uma iluminação especial que enche os olhos dos hóspedes durante a noite.
O Hotel tem segurança ou recepcionistas 24 horas, assim como estacionamento fechado, exclusivo para clientes, com diversas vagas. O Bar do Sol & Lua conta com todos os tipos de bebidas e drinks, do Red Label a Smirnoff Ice, tudo, assim como o valor de suas diárias, com preços justos: uma cerveja Itaipava ou Skol no local custa apenas R$ 3,50. A diária para a alta temporada do Hotel Pousada Sol & Lua custa R$ 170 (quarto Standart) e R$ 190 (quarto Luxo), sendo que os clientes podem receber desconto de 10% no pagamento à vista, em dinheiro.
O Sol & Lua também já começou a venda de pacotes para o seu Reveillon 2017 em Paracuru. Cinco dias, antes ou depois do dia 1º de janeiro custam R$ 1600 (quarto Standart) e R$ 1800 (quarto Luxo). O Hotel é bem cotado em todas as plataformas de hotelaria, com comentários elogiosos em sites como Booking.com, Trivago e TridAdvisor. Informações e Reservas: 85 3344-2055. Whatsapp do Sol & Lua: 85 99620-3155. Site: pousadaparacuru.com . Facebook: Pousada Paracuru Sol & Lua. Instagram: @soleluaparacuru
SERVIÇO
HOTEL POUSADA SOL & LUA
Rua Izaura Moreira Lima, 203 – Bairro Lagoa
Paracuru – Ceará – Brasil – CEP 62680-000
Informações: (85) 3344-2055 ou 9985-3553

 ROTEIRO DAS PRAIAS DO PARACURU
Praia da Barra - Localizada na foz do Rio Curu, que desemboca na praia, na divisa com o município de Paraipaba, cerca de 1km distante do centro de Paracuru.  Tem bancos de areia, dunas, ondas calmas e barcos de pesca. O estuário do rio faz desta uma praia de mar calmo, bom para banho de mar. Dunas e bancos de areia também são encontrados na região, que serve de atracação de barcos de pesca. É semi-deserta, para quem gosta de apreciar a natureza. Pouco movimentada, não possui estrutura turística. A Praia da Barra do Curu possui larga faixa de areia, quanto mais próximo à foz do rio mais larga, com algumas dunas. Arrecifes formam piscinas naturais na maré baixa. Mar tranqüilo e de águas limpas, alguns barcos de pescadores locais ficam na orla. Destaque para a beleza da foz do Rio Curu, com vários bancos de areia que formam pequenas ilhas, e um grande manguezal de verde intenso. Do outro lado do rio, em Paraipaba, as dunas são bem maiores e largas, e após alguns quilômetros nessa direção se chega a Praia da lagoinha.
Praia Carnaubinha (Hawaizinho) - O Havaí não é aqui. Mas poderia ser, de acordo com os surfistas da região. As ondas são altas, por isso, é conhecida como Havaizinho. Dunas, falésias e até um riacho de água doce compõem o cenário. Pequena e em formato de meia-lua a Praia Carnaubinha também é chamada de Hawaizinho, devido as excelentes ondas para surf que quebram de julho a janeiro. Fica entre as praias da Barra do Curu e da Pedra do Meio. Possui um bar rústico que atende os banhistas. O acesso ao local se dá por uma estreita travessa. Ela fica escondida entre grandes terrenos com belas casas de veraneio e possui bastante vegetação e pedras. Tem 200m de extensão e é muito procurada pelos velejadores.
Pedra do Meio - conta com boa infra-estrutura de bares, pousadas e restaurantes na orla. Tem ondas fortes, que atraem surfistas. Mar agitado que vira point de surfe, dunas e areia fofa fazem de Pedra do Meio não só uma das preferidas dos nativos, como também uma das melhores para receber o turista. O banho de mar ali também é imperdível. Considerada uma das mais belas da região fica próxima ao centro de Paracuru, possui faixa de areia fofa, inclinada e mais estreita que a maioria das outras praias da cidade. Um córrego deságua no centro da praia e pedras nos cantos a separam das vizinhas Carnaubinha e da Bica.
Bica - praia de vila de pescadores, muito tranqüila. Tem areia fina e batida, água calma, rochedos e currais de peixe. Existem quatro bicas de água doce e alguns córregos que deságuam na praia. A região central  de Paracuru possui águas calmas, e faixa de areia fina, batida e estreita, características das praias do centro da cidade. Ela fica na encosta de um pequeno morro, que acompanha o fundo da praia. No alto do morro, vegetação e belas casas de veraneio. Os terrenos e a vegetação dificultam o acesso a Praia da Bica, mesmo assim ela possui barracas e recebe um bom número de turistas.
Praia da Munguba - Uma das mais populares do destino é a mais agitada, com diversos barzinhos na orla. Praia de ondas fortes, dunas e currais de peixe. A Praia de Munguba é a praia do centro da cidade, também chamada de Praia de Paracuru ou Praia do Farol. Nela fica localizada o conjunto que compreende o Mirante e o Farol de Paracuru, bem em frente à praça e a Igreja de Nossa Senhora dos Remédios. A praia é bastante movimentada nos finais de semana, possui águas limpas e calmas e faixa de areia estreita, com muitas barracas que servem petiscos. Quando a maré sobe, a água chega a invadir algumas barracas, de tão estreita que a faixa de areia fica. Possui bastante vegetação na orla e o litoral é recortado, com algumas curvas. Por ficar no centro, a Praia de Munguba tem a melhor estrutura turística e fica próximo da maioria dos hotéis e pousadas de Paracuru.
Ronco do Mar - Localizada no centro, tem 150m de extensão, areia fina e batida (quando a maré sobe a faixa de areia fica bem pequena). Freqüentada por surfistas, turistas e moradores da região. Em sua extensão encontramos bares, rochedos, água doce e currais de peixe. Pequena e movimentada, a Praia do Ronco do Mar ou Igreja Velha (como também é conhecida) possui muitas barracas para atender os banhistas. Com mar de águas limpas, as ondas são boas para surfe, inclusive com a realização de campeonatos. Na orla ficam alguns coqueirais e alguns trechos possuem pedras na areia, enfeitando o lugar com um cenário paradisíaco.
Boca do Poço - Tem 300m de extensão, nos quais encontramos diversos bares e um riacho. É considerada a melhor praia pra surfistas da região. Próxima ao centro, é pequena e recebe um bom número de banhistas. Possui muitas barracas em sua faixa de areia estreita. Coqueirais ficam na orla e pedras na areia. Por estar próximo do centro, a Praia da Boca do Poço possui boa estrutura turística. O mar tem ondas boas para surfe e a noite rola um forró em alguns bares. No final da praia no lado direito, começam as dunas de Paracuru. Nesse trecho elas possuem vários quilômetros de largura e cerca de 1,5km de extensão, até as instalações da Petrobrás. Nesse canto direito da praia, existem algumas casas que foram e estão sendo engolidas pela areia.
Pedra Rachada - Tem barreiras de corais que formam piscinas naturais na maré baixa. Areia muito fina e branca, quem vai a essa praia tem que fazer o passeio de jangada e ver a beleza das diversidades das cores. Uma das mais belas de Paracuru, a Praia da Pedra Rachada fica alguns quilômetros distante do centro da cidade, com acesso pela Estrada da Petrobrás. As instalações da empresa ficam bem próximas. As únicas construções são de alguns restaurantes e barracas na orla. A areia é branca e fina e alguns coqueiros deixam o visual mais belo. Arrecifes formam lindas piscinas naturais na maré baixa e jangadas levam para passeios até os currais de peixes que se formam no mar. No lado esquerdo avista-se o píer da Petrobrás e no lado direito existem muitas dunas. Não há vilarejo na praia. A opção de hospedagem é o Hotel Dunas Paracuru.
Praia Quebra Mar (Pau Enfincado) - Ponto de encontro dos praticantes de kitesurf, aqui está localizada a Barraca Quebramar, que oferece estrutura para a prática do esporte nessa praia deserta. A barraca serve refeições e tem quiosques, e possui uma escola para o ensino do esporte. A partir do centro, seguindo pela Estrada da Petrobrás, ela fica depois da Praia da Pedra Rachada.
Praia das Almas - Considerada um dos refúgios de Paracuru, essa simples praia é um dos melhores lugares para quem busca tranquilidade. Ideal para relaxar, não conta com o movimento de praias mais badaladas. Durante o verão, costuma receber um moderado número de visitantes, que aproveitam o sossego do lugar para relaxar. Com uma boa faixa de areia clara, possui mar agitado, com boas ondas e águas claras. Alguns recifes estão presentes na areia, além de diversas dunas que fazem parte da paisagem. Ao fundo, coqueiros e algumas residências podem ser vistos. O lugar conta com moderada infraestrutura, mas uma boa opção é levar alimentos e bebidas, para poder desfrutar de um agradável dia na praia, seja relaxando, fazendo uma caminhada ou tomando um delicioso banho de mar.
Praia do Buraco - Localizada a 2 km do centro de Paracuru é a mais procurada pelos praticantes de windsurf, que aproveitam os ventos fortes e trechos desertos; tem ondas fortes e dunas. A praia do Buraco ideal para banho e para prática de esportes náuticos como kitesurf, esporte que vem transformando o céu de Paracuru em um “espetáculo de cores” a partir do mês de agosto quando começa a intensidade dos ventos. Dentre as características dessa praia temos a areia fina, alguns trechos quase desertos, quando a maré seca pode desfrutar de belíssimas piscinas naturais.
Praia do Vapor - Está protegida pelo cinturão rochoso que forma o seu arrecife e é ponto de visitação ao que ainda resta dos destroços do vapor Ceará. Navio que encalhou em 19 de maio de 1887. É uma praia deserta e bonita também utilizada para prática da pesca costeira de caçoeira ou anzol em pequenos botes.

Praia da Piriquara - É a mais distante do centro da cidade, com cerca de 3 km de extensão e deserta. Até pouco tempo atrás era praia onde podíamos encontrar tartarugas que chegavam a procura das dunas para desova e reprodução da espécie.   

sábado, 5 de novembro de 2016

DIA NACIONAL DA CULTURA

Mercado dos Pinhões recebe programação especial 

Festa contará com Feira Afins de Vitrola, espetáculos de teatro, dança e show


Neste sábado, dia 5 de novembro, é celebrado o Dia Nacional da Cultura, e para comemorar a data, o Mercado dos Pinhões receberá uma programação para lá de especial, que mesclará várias manifestações artísticas, com feira, apresentação teatral, dança e atrações musicais.

A festa começa a partir das 17 horas com o espetáculo “Circo Alegria” do grupo de teatro de rua Garajal. Em outro espaço do equipamento cultural, também às 17 horas, acontece mais uma edição da Feira Afins de Vitrola. O evento reúne desde colecionadores, a lojistas, sebos e, claro, apreciadores dessa sonoridade única proporcionada pelos vinis e compactos. Além de conferir os vinis e vitrolas, o público também vai poder curtir a seleção musical do DJ Nego Célio.

Entre os participantes/expositores confirmados nesta edição da Feira Afins de Vitrola estão: Arte na Bolacha, Bolacha Preta, David Emerson, Edmar Pontes, Fabio Tatibana, Fernando Filgueiras, Jaques Casagrande, LS Discos, Methal Home, Matheus Salvany, Nego Célio, Nilton Kiss, Oficina D.A.D.A, Pablo Duramn, Paulo Assuncão, Reciclarte, Sérgio Almeida, Silvio Vitroleiro, Sidney Barros Souza,The Wall, Tony Opus e Vinícius de Oliveira.

A programação do Dia da Cultura também apresentará, às 18 horas, o espetáculo de dança "Performances Interativas", realizado pelo coletivo de bailarinos dirigidos por Silvia Moura. E às 19 horas a banda Nigroover apresenta seu show. Criada em 2008, a banda tem em sua essência o objetivo de valorizar os estilos clássicos da música de raiz negra, como samba-rock, funk, soul e afrobeat.

Instituído por meio de Lei Federal, em 1970, o Dia da Cultura é uma homenagem ao jornalista, político, jurista e intelectual Rui Barbosa. A data foi escolhida por ser o dia do nascimento de Barbosa, que foi importante defensor das liberdades civis. Com a pluralidade da cultura brasileira, iremos contemplar apresentações propondo um encontro de linguagens artísticas.


SERVIÇO:
Programação Especial – Dia da Cultura
Quando: Sábado (5/11), a partir das 17h
Onde: Mercado dos Pinhões (Praça Visconde de Pelotas, 41 – Centro)

Programação:
17h às 21h - Feira Afins de Vitrola (Atração musical: DJ Nego Célio)
17h – Espetáculo de teatro de rua “Circo Alegria" - Grupo Garajal
18h - Performances Interativas - Coletivo de Bailarinos dirigidos por Silvia Moura


19h - Banda Nigroover

CINEMA

6o FESTCINE MARACANAÚ DIVULGA PRODUÇÕES SELECIONADAS    

Festival traz entre as novidades, videoclipes e webseries inscritos nas mostra competitiva, além de contemplar o maior número de produções locais

O circuito de festivais de cinema no Ceará continua. Entra em cartaz a  sexta edição do FestCine Maracanaú - Festival de Cinema Digital e Novas Mídias, movimentando a cena do audiovisual cearense, principalmente na Região Metropolitana de Fortaleza, com abertura oficial nesta segunda-feira, 07 de novembro, às 18h30, seguindo até sexta-feira dia 10de novembro, no Cineteatro Dorian Sampaio, em Maracanaú, Ceará. A programação é gratuita.
Durante 60 dias a organização do  FestCine Maracanaú - Festival de Cinema Digital e Novas Mídias, recebeu 380 inscrições de produções oriundas de todos os estados brasileiros, para participarem das mostras competitivas de   longas e curtas metragens, Mostra Rodolfo Teófilo e Mostra Novas Mídias.  Nesta edição, competem videoclipes e webseries. Este ano contemplou maior número de produções cearenses valorizando o realizador local.
O vencedor  na  categoria  Melhor Longa Metragem, receberá prêmio no valor de R$ 5 mil e troféu; na categoria Melhor  Curta Metragem, R$ 2 mil e   troféu. Já a categoria Rodolfo Teófilo terá como premiação R$ 5 mil em locação e serviços na Abraham Filmes.
HOMENAGENS
Nesta edição, serão homenageados  com o Troféu Maracanaú, a deputada estadual Fernanda Pessoa (PR); o ex- presidente do Banco do Nordeste e presidente da  Agência de Desenvolvimento do Estado do Ceará - ADECE,  Roberto Smith; o ex-coordenador-geral de Aprovação de Projetos de Incentivo do Ministério da Cultura, Juliano Smith ; o diretor da empresa de transporte Via Metro, André Eskinazi e Natal, primeiro cineasta de Maracanaú.

FestCine Maracanaú -  Festival de Cinema Digital e Novas Mídias é realizado pela Alfa 2 Comunicação e Entretenimento. Produção: Abraham Filmes e Estúdio Digital.   Patrocínio: Coelce.  Parceria do Governo do Estado do Ceará, através da Secretaria da Cultura (Secult), Prefeitura Municipal de Maracanaú e  Fundação Cultural de Maracanaú. 

SELECIONADOS
Mostra Competitiva de Longa Metragem
Do Outro Lado do Atlântico - Doc – 90 min – CE  - direção: Márcio Câmara e Daniele Ellery
EU - O Filme – Fic – 114m – CE - direção: Washington Carvalho
A Lenda do Gato Preto – Fic – 97 min  - CE, direção: Clébio Viriato Ribeiro
Clarisse ou Alguma Coisa Sobre Nós – Fic – 80 min  - CE – Classificação: 16 ano, direção: Petrus Cariry

Mostra Competitiva de Curta Metragem
Retratos de um Retalho Esquecido – Exp – 13 min – CE, direção: Harley Almeida
 Passagem – Fic– 25 min – GO, direção: Thomaz Magalhães e Ernesto Rheinboldt
Três Tipos de Medo - Fic – 20 min – MT, direção: Bruno Bini
Cartas – Anim– 4’48´ - direção: David Mussel



Meu Pequeno Herói Não Sabe Voar – Fic – 19 min – SP, direção: Pedro Jorge
Desencana – Fic– 08’ 44’’ – SP, direção: Renan Lima
 O Projeto do Meu Pai – Anim – 05’39’’ – ES, direção: Rosaria
 O homem que Virou Armário – Fic – 22’29’ – CE, direção: Marcelo Ikeda
Xavier – Fic – 13’09’’ – SP, direção: Ricky Mastro
Todas as Tardes – Fic – 14’38’’ – MG, direção: Diogo Cronemberger
 Os Olhos de Arthur – Fic– 14’56’’ – CE, direção: Allan Deberton
 Assim Nascem Canções – Doc – 18’25’’ – CE, direção: Francis Valle
 A Página – Fic – 16 min – SP, direção: Guilherme Andrade
 Lipe, Vovô e o Monstro – Anim – 08 min – RS, direção: Felippe Steffens e Carlos Mateus
 Abissal – Doc – 16 min – CE, direção: Arthur Leite

Mostra Novas Mídias
Hartô Estari – Insônia – 03min – PR, direção: Guilherme de Souza do Nascimento
Fale pra Mim – 5 min – RJ, direção: João Pinheiro e Karla Fassini
Thoughts – 5 min – PR, direção: Edu Camargo
Macacada – 4min – SP, direção:  Thomas Larson
Palavras Não São Fortes - Pulso de Marte – 3’40’’ – CE, diretor: Gecildo Sousa (Junin)
Um Dia de Domingo -  MadMaria 1912 – 5 min – MG, direção: Manoel Rocha
Iracema – Ney Matogrosso – 3 min – SP, direção: Pedro Serrano

Mostra Rodolfo Teófilo
Sob o Olhar do Poço – 15 min – Doc, diretor: Mário Silva
 A Esfera – 7’28’’ – Fic, direção: Diane Marques e  Liézio Gomes
 Como Chegamos Aqui – Fic – 08’27’’, diretor: Arthur Gadelha
 O Corta-Bunda – Doc – 13min, diretor: Yago Albuquerque
 Fluxos – Anim – 02’42’’,  diretor: Diego Akel

Serviço
 FestCine Maracanaú -  Festival de Cinema Digital e Novas
Cineteatro Dorian Sampaio
Rua Edson Queiroz, 5, Antônio Justa - Maracanaú-CE            
De 07 a 10 de novembro
Horário:  18h30
Gratuito

NOVIDADE!

Beer Fest Fortaleza realiza o maior festival de chopes artesanais da capital cearense, neste sábado (5)

O festival itinerante de cervejas artesanais traz 70 barris com mais de 35 rótulos de 13 cervejarias brasileiras, além de marcas importadas

O mercado cervejeiro do Ceará não para. Com vendas aquecidas e consumidores ávidos por novidades, a cadeia produtiva, em especial do nicho artesanal, está em franca expansão. Para matar a sede dessa turma, vem aí o 1º Beer Fest, festival cervejeiro que traz a Fortaleza, no dia 05 de novembro, 37 rótulos, entre nacionais e internacionais. Uma carta variada de chopes que contempla os mais exigentes paladares. O festival acontecerá das 12h às 20h, noestacionamento do Hey Ho Beer Pub, na Rua Nunes Valente, 1247, Aldeota.

O ingresso antecipado para o festival custa R$ 20,00 e inclui um copo personalizado do evento. As entradas podem ser adquiridas no Alpendre Bar, no /Bru/, no Hey Ho Beer Pub e no site Ingressando.com. Um lote limitado de combos de R$ 100,00 poderá ser adquirido antecipadamente, garantindo ao comprador a vantagem de converter esse valor em fichas para cervejas, comidas e produtos, sem enfrentar filas, além do ingresso gratuito.
O Beer Fest é um projeto fruto da parceria entre os empresários Bebeco Baltaduonis (Hey Ho Beer Pub) e Célio Campello (BodeBrown). A iniciativa  visa à congregação dos apreciadores de cerveja e, sobretudo, promoção do mercado de cervejas artesanais e da cultura do chope em Fortaleza.

A Associação de Cervejeiros Artesanais do Ceará (Acerva Cearense) estará presente num estande com degustação gratuita de 40 litros de chope artesanal e informativos para quem deseja aprender mais sobre o universo cervejeiro. No festival, também haverá pontos para lavagem dos copos e, para os cervejeiros não passarem do ponto, pontos gratuitos de hidratação.

O festival contará com 30 torneiras que servirão 70 barris de 37 rótulos de 13 renomadas cervejarias do Brasil: a cearense 5Elementos (HopMadness), Bodebrown (Cacau Ipa,Session Black Ipa, Limoeiro, Monfort Rye Ipa, Perigosa Baby e Blanche de Curitiba), Urbana (Ipa Fio Terra), Irmãos Ferraro(Caturrita, Clementina, Loca, Nera Reale); Swamp (Hopbite, Mangroove e Pilsez My Bals), Morada (Epo Hop), Vintage (Tropical e KombIpa), BaldHead(English Bitter Pale Ale e Mellon Head Australian Pale Ale); Seasons (Basilicow, Greencow, Holy Cow #2, Pacific e Vaca das Galáxias); Ekaut (Ipa e Apa); Nashville (Pilsen, Weiss, Red Ale e Red Ipa); Ahoy (11 Pés - Session IPA) e Beermaniacs (Ipa); além das importadas Delirium Tremens, West Coast IPA, Brooklin e Founders.
As marcas serão servidas em contêiner exclusivo, o que garante a preservação dos chopes em temperatura ideal, uma novidade que atualmente só existe na cidade de Curitiba, um dos principais polos cervejeiros do País. O valor dos chopes varia entre R$ 10,00, R$ 15,00 e R$ 20,00. Das 19h às 20h, quem tiver growler (reservatório para chope) vai poder abastecê-lo por apenas R$ 20,00 o litro.
A estrutura conta ainda com 10 banheiros químicos e espaço para a criançada. Mas também tem diversão garantida para os adultos, com sinucas e totós. Para animar ainda mais a festa, o DJ Doido e as bandas Infungíveis e My Lovely Band assumem o som. Produtor musical e DJ Doido apresenta um setlistcom foco em black music e samba rock nacional e internacional. Já os Infungíveis passeiam por clássicos do pop rock dos anos 80 internacionais (The Police, The Cure, Queen, A-ha, Erasure, Depeche Mode, Men at Work, dentre outros) e nacionais (Biquíni Cavadão, Capital Inicial, Paralamas, Titãs, Cazuza, RPM, Ultraje a Rigor, etc). O repertório inclui também trilhas sonoras da época, como "De volta para o futuro", "Ghostbusters", "Footloose" e "Goonies". A Lovely Band faz cover do grupo Red Hot Chilli Peppers.

Além de apreciar algumas das melhores cervejas artesanais produzidas no Brasil, o público poderá harmonizar suas escolhas das deliciosas iguarias dos food trucks Rices, Bru, Seu Pudim, Bar B Crew, Hey Ho Beer Pub e Sherlocks Pub. Também haverá uma feirinha da qual participam as marcas Mestre Cervejeiro, Bodebrown, The Beerhood e Beer Things, com cervejas, blusas, cervejas especiais e acessórios diversos para bar.

*       
Serviço: 1º Beer FestDia 05 de novembro (sábado), das 12h às 20h, no estacionamento do Hey Ho Beer Pub, situado à Rua Nunes Valente, 1247, Aldeota.
Ingresso Antecipado + 1 copo personalizado do evento: R$20,00, à venda no nos pontos:
Alpendre Bar: Rua Torres Câmara, 181
/Bru/: Avenida Júlio Abreu, 160 – loja 18
Hey Ho Beer Pub: Rua Nunes Valente, 1247, Aldeota
Venda restrita a maiores de 18 anos. Menores de idade somente poderão entrar se acompanhados dos pais.
Serão aceitos cartões de crédito e débito no local.

Mais informações: (85) 98107.2856

terça-feira, 25 de outubro de 2016

CONCRETO 2016

Festival reúne ações de arte urbana com a presença de mais de 100 artistas com intensa programação cultural 

A 3ª edição promete sacudir Fortaleza com graffiti, murais, instalações, mobiliário urbano, performances, oficinas e shows, são mais de 35 projetos do Ceará, 25 propostas nacionais e 13 artistas internacionais, além de atividades de formação

Dar cor à cidade.  Aquele encantar-se pelas ruas, a Fortaleza dos encontros e dos olhares que criam e contemplam, dos artistas que se encontram e interagem, desse colorido-todo nos muros, nas paisagens e no cotidiano: tudo isso faz do "Festival Concreto - Festival Internacional de Arte Urbana" um dos eventos mais aguardados do Ceará. A 3ª edição tem início no dia 4 de novembro e segue até o dia 12 com a presença de mais de 100 artistas locais, nacionais e internacionais, serão mais de 35 projetos do Ceará, 25 propostas nacionais e 13 artistas internacionais de oito países (México, Chile, Espanha, Polônia, Argentina, Portugal, Ilhas Canárias e Itália), além de atividades de formação, residência artística, lançamento de livros e de documentários, bazar de compra de obras e as já tradicionais festas e shows que encantam deixando um legado de criatividade, rebeldia e beleza que vai muito além das tintas. 

O evento conta uma programação de lançamento começando já na quinta-feira, dia 27 de outubro, a partir das 20h no espaço Multigaleria no Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, com a Exposição: Choque Cultural no Festival Concreto, 13 anos de produção gráfica. Uma oportunidade de conhecer obras de artistas renomados na arte urbana: Daniel Melim, Tec, Jaca, Matias Picón, Stephan Doitschinoff, Rafael Silveira, BijaRi, Zezão, Speto, Onesto, Titi Freak entre outros. Fundada por Mariana Martins e Baixo Ribeiro em 2003, em São Paulo, a choque, desde então, edita pôsteres e gravuras com variadas tiragens, monotipias, livros-objetos, zines, adesivos, lambe-lambes e outras peças gráficas, tendo criado uma rede de parceiros com a mesma intenção inovadora e colaborativa. É pioneira enquanto galeria especializada em arte urbana no Brasil e referência mundial.  

E no dia 4 de novembro, o Festival Concreto faz festa. O Lançamento e credenciamento dos artistas acontece às 19h no Espaço Rogaciano Leite (palco sob passarela) no Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura. A programação conta com uma solenidade de abertura, show com bandas e performances, além de Live Painting com Rafael Highraff (SP). Durante os nove dias do festival, os artistas estarão espalhados pela cidade em diversos bairros pintando ao vivo e na rua, apresentando seus trabalhados em graffiti, criando instalações de mobiliários urbanos, performances sonoras, além de dialogar com a população e promover palestras, seminários e vivências. Um dos destaques das atividades é a Amplitude, Escola de Arte Urbana, responsável pelas ações formativas, que em parceria com o Centro Cultural Bom Jardim, realizarão Vivências Práticas de Formação, que através de convocatória, 10 selecionados irão receber bolsa-auxílio e serão acompanhados, num processo de aprendizado prático e dialógico, por artistas de renome nacional e internacional. Outro fator importante é o "Seminário Arte Urbana - Cultura Contemporânea", um ciclo de palestras com artistas, produtores e ativistas da arte urbana mundial. Uma ação em parceria com a Escola Porto Iracema das Artes. A formação e o intercâmbio são marcas fortes dessa terceira edição. Esse ano, além das atividades em Fortaleza, teremos o Conexão Sobral, estendendo as ações do Festival Concreto ao interior do estado.

Programação em Fortaleza - As atividades, na capital, seguem durante 9 dias com ações variadas: pinturas de murais e grafitti, palestra com Debora Pill (BRA), produtora dos artistas Os Gêmeos; ação de mutirão do ateliê itinerante CarRUAagem; palestra "Escultura na Arte Urbana" com Robert Panda ( POR), debate "30 anos de Stêncil" com OZI (BRA), oficina Arte Urbana e Cidade com Baixo Ribeiro e Mariana Martins além de visita guiada à exposição "13 anos de produção gráfica" - Choque Cultural no Festival CONCRETO; discussão "Arte Urbana e Tecnologia / Atelier compartilhado" com Ciryl23 (ESP) e Chylo (POL), palestra "Da arte Urbana para a Arte Contemporânea" com Stephan Doitschinoff - CALMA (BRA); bazar e expô das obras dos artistas do Festival Concreto 2016 e da Choque Cultural, oficina de Stêncil para crianças com OZI  no Estoril e festa de encerramento. 

Saiba mais - O Festival que nasceu com o propósito de  produção e difusão, aproveitando o potencial arquitetônico de Fortaleza, também objetiva promover a interação e o dialogo com as mais diferentes culturas, onde aspectos como a estética, a forma e a cor sejam discutidos, promovendo assim um verdadeiro crescimento na qualidade da produção artística como um todo, buscando estar na vanguarda da arte urbana.

Em 2015, o Festival Concreto contou com participação de 25 artistas de doze países, 30 artistas nacionais, 100 artistas locais, cinco bandas e o lançamento do projetos Cine Mara Hope, com a exibição do filme “Medo do Escuro”, do cineasta Yvo Lopes. Outra atração foi o Mobiliário Urbano, que promoveu a instalação da arquibancada para o pôr do sol na Praia de Iracema. Já a primeira edição, em 2013, reuniu 117 artistas nacionais e internacionais em exposições, intervenções, workshops, oficinas e palestras, técnicas e linguagens, como o muralismo, o graffiti, a música e a dança.

Lista de artistas e coletivos: 

Thelmo Cristovam /PE; Dinho Bento/MG; Pablo Malafaia/RJ; Geviana/MA; Kbça/BA; Léo Arem/PE; Natália Coehl/SP; Coletivo Zin/ES ( Jean e Renato); Vander/SP; William Mophos/SP; Zéh Palito/SP; Rimon Guimarães/PR; Stephan Doitschinoff/SP; Ozi/SP; Rafael Highgraff/SP; José Carolos Ribeiro dos Santos/Choque; Mariana Pabst Martins/Choque; Cláudio Ethos/SP; Débora Pill/SP; Amarillo Público/MEX; Came Moreno/MEX, Irene Lasiuita/ARG, Mariana Palomino/Ilhas Canárias, Alan Myers/ARG, Unonueve/CHI, Bifido (Itália), Zesar Bahamonte/ESP, Lucas Lasnier/ARG, Ciril 23/ESP, Chylo/POL, Robert Panda/POR, Armando Siba; Baião Ilustrado; Diego Maia; Erica Rodrigues; Johnny Cardoso; Jucá; Lápis de Lata; Lui Duarte; Luiza Veras Azuhli; Luks; Maíra Ortins; Neurônio ; Paulo Victor; Thiago Nery; Weyber Ferreira, Intervenções; Artur Dória; Bianca Misino; Diana Medina; Erica Rodrigues; Felipe Camilo; Juliana Mota; Lucas Cabral; Rian Fontenele; Simone Barreto; Germana Brito/Sobral; Thalita Feirtosa/Capiriaço e No Barraco da Constância. 

Programação de Lançamento Festival Concreto 2016: 

== 4 a 12 de novembro - Artistas realizam intervenções urbanas variadas (graffiti, mural, stêncil, performances, intervenções, instalações...) em vários bairros e pontos da cidade. 

== 27 de outubro - Choque Cultural no Festival Concreto - 20h no espaço Multigaleria no Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura - Uma das atividades de lançamento do Festival acontecerá na abertura da exposição "13 anos de produção gráfica" - Choque Cultural no Festival CONCRETO. A Exposição também faz parte da programação da SAU - Semana de Arte Urbana de Fortaleza (26-28/ Out). Uma coleção com cartazes de uma das galerias mais expressivas no cenário da arte urbana. 

== 4 de novembro - Lançamento do Festival Concreto 2016 e credenciamento dos artistas - 19h no Espaço Rogaciano Leite (palco sob passarela) no Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura - A programação contará com uma solenidade de abertura, falas de boas vindas, show com bandas e performances além de Live Painting com Rafael Highraff (SP). A atividade é aberta ao público e gratuita.

Serviço:
Festival Concreto 2106 
De 4 a 12 de novembro em Fortaleza
Mais informações: 

EM DEZEMBRO

Ingressos do Villa Mix Fortaleza ANO 5 começam a ser vendidos 

Consolidado como um dos principais eventos de música do país, o Villa Mix Fortaleza comemora o Ano 5 de sua realização com megaestrutura e os maiores artistas nacionais do casting do sertanejo e do forró no próximo dia 10 de dezembro e as vendas começam nesta terça-feira, 25 de outubro. Os ingressos para o Villa Mix Fortaleza podem ser adquiridos nos seguintes pontos de venda: Bilheteria da Arena Castelão, Mucuripe Music e Shopping Parangaba.

Setores
A megaestrutura do Villa Mix Ano 5 conta com três setores para milhares de pessoas curtirem a maratona de shows com comodidade e segurança. Na Arena, o público terá à disposição food parks, banheiros e bares exclusivos. No Camarote Frontstage, além todas as exclusividades de acesso, alimentação e serviços exclusivos, como fichas de bebidas, o festival oferece um amplo espaço na frente do palco para viver a experiência de curtir o maior festival de música do país perto dos artistas. Em ambos os setores, a classificação indicativa é de 16 anos, com autorização de tickets de bebidas alcoólicas no camarote somente para os maiores de 18.
Sucesso da última edição do Villa Mix Fortaleza, o Golden Mix Backstage está confirmado mais uma vez no evento com a estrutura de referência em grandes festivais do mundo. Nesse setor, o público terá entrada e acessos exclusivos na frente e do backstage do palco, além de uma arena montada especialmente para receber shows exclusivos de atrações locais e nacionais, em paralelo à programação oficial. Tudo isso somado ao serviço de open bar com whisky 8 anos, vodca, cerveja, refrigerante e água. A classificação indicativa para este setor é de 18 anos.

Villa Mix Fortaleza Ano 5
O festival consagrou o estacionamento da Arena Castelão ​como cenário de animação para milhares de pessoas no ano passado e firma o local como espaço oficial da festa em 2016. O casting do Villa Mix Fortaleza Ano 5 é uma verdadeira escalação dos astros que comandam as maiores paradas de sucesso do país. O line up inclui nomes de peso que já são aguardados ansiosamente pelo público, como Jorge e Mateus, Wesley Safadão, Luan Santana, Simone e Simaria, Matheus e Kauan e Israel Novaes, além dos estreantes, como a dupla sertaneja Pedro e Benício e o cantor revelação do forró, Jonas Esticado.

Pontos de venda
A loja Social Tickets, no RioMar Shopping, será ponto de vendas exclusivo dos setores Camarote Frontsage e Backstage Golden Mix. Na internet, os ingressos podem ser comprados pelo site www.ticmix.com.br. Os preços referentes ao 1º lote são:
​Arena​: R$ 120 (inteira) e R$ 60 (meia)
Camarote Frontstage: R$ 150 (unissex)
Backstage Golden Mix: R$ 200 (​feminino) e R$ 290 (​masculino)**
**Valores sujeitos à alteração

SERVIÇO - Villa Mix Fortaleza – Ano 5
Data: Sábado, 10 de dezembro
Local: Estacionamento da Arena Castelão
Abertura dos Portões: 17h
Mais informações: ☎️(085) 3264.8091